Saúde Bucal

21/04/2017 05:41 - Atualizado em 26/06/2017 01:53

O que considerar na hora de comprar uma escova de dente

Dentista explica o que deve ser considerado ao escolher o item

POR

Redação

  • +A
  • -A

Uma escovação adequada garante muito mais do que um belo sorriso: evita diversos tipos de doenças, que vão desde a cárie, até a retração das gengivas. E para manter a saúde bucal, é fundamental não só escovar os dentes três vezes ao dia, como também escolher uma escova de dente.

Como escolher a melhor escova de dente

Em uma rápida olhada na farmácia, você certamente irá se deparar com diversos tipos de escovas de dente. E não é sem razão! Um estudo divulgado pelo Instituto de Tecnologia de Massachusetts apontou o produto como a invenção mais importante da humanidade. Segundo o Professor, Mestre e Doutor em Odontologia, Dr. Hugo Lewgoy, a aceitação do produto por parte da população só tem aumentado nos últimos tempos, inclusive no Brasil. "Isso significa que a população está mais bem informada e mais consciente acerca da importância da higienização oral eficiente, o que ajudará a diminuir a cárie, doença que é considerada epidemia mundial", comenta.

Mas quais critérios considerar na hora de escolher a melhor escova, para que ela cumpra de forma eficiente o seu papel de colaborar para a saúde bucal? O Dr. Hugo explica que a primeira coisa a analisar é o tamanho da cabeça e características das cerdas. Isso porque a cabeça não pode ser grande, pois dificulta alcançar os dentes posteriores. Já as cerdas devem ser ultramacias e em grande quantidade. "Quando uma escova possui cerdas duras, é possível que elas estejam em pouca quantidade. Costumo dizer que é como se pegássemos uma vassoura com cerdas duras e varrêssemos um chão com piso branco e brilhante. Certamente, ao longo do tempo, ele perderá o brilho e surgirão alguns riscos", exemplifica o dentista.

Para não errar na compra, o especialista enumera o que deve ser considerado:

• Opte por escovas com cabos lisos. Os modelos com borrachas costumam acumular sujeiras e proliferar bactérias.
• Escolha aquelas que possuem a capa acrílica para a cabeça da escova. Essa tampa garante uma melhor conservação, higienização e proteção das cerdas. Além disso, o protetor é essencial para quem carrega a escova dentro da bolsa, para evitar o contato com outros objetos.
• Prefira escovas com cabeças flexíveis, pois elas garantem uma limpeza mais eficaz dos dentes que ficam mais no fundo da boca.
• É importante ainda escolher modelos com cabo ergonômico, leve e que dê firmeza, para ajudar nos movimentos corretos da escovação.
• Para uma limpeza completa, opte por escovas que tenham um limpador de língua. Você pode ainda comprar um objeto que tenha essa função exclusiva.

O dentista reforça que antes de se iniciar a escovação, é importante lavar bem as mãos antes e fazer um bochecho com água. Essa limpeza prévia da boca ajudará a eliminar resíduos de alimentos, reduzindo a chance da comida ficar presa entre as cerdas e sofrer uma decomposição posterior. Após a escovação, não deixe ainda de passar o fio dental e usar flúor, eliminando assim qualquer bactéria.

Gostou das dicas para escolher a escova de dente adequada? Para saber mais sobre saúde bucal, não deixe de acompanhar o Vivo Mais Saudável!

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ

Veja Também