Saúde Bucal

16/03/2016 12:00 - Atualizado em 25/11/2016 06:14

Dentadura ajuda a resgatar o sorriso perfeito

Prótese dentária é usada por mais de dois terços dos da população idosa brasileira.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Ter um sorriso perfeito serve como um belo cartão de visitas, especialmente em um mundo onde a aparência externa importa tanto. Porém, ao passar dos anos, quem não cuida da saúde bucal pode ter que recorrer à prótese dentária ou à dentadura para causar essa boa impressão.

Para se ter uma ideia, no Brasil, apenas 23,5% dos idosos na faixa etária dos 65 aos 74 anos não usam algum tipo de prótese dentária. A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima ainda que 15% dos brasileiros pertençam aos grupos dos desdentados totais.

Mas, quando se fala na possibilidade de repor os dentes, qual será a melhor opção? Recorrer à dentadura ou optar pela prótese fixa sobre o implante? Compare.

mulher sorri com dentadura

Dentadura X prótese fixa

Para ajudar na avaliação de qual alternativa é a melhor, o cirurgião-dentista e diretor técnico da Simplan Implante Dentário, Gabriel Lembo, explica cada um dos métodos:

Dentadura

Não é fixa nos dentes e pode ser retirada da boca a qualquer momento. A aparência não é natural, embora, hoje, o processo de produção já seja mais moderno e as diferenças sejam nítidas, em comparação aos modelos mais antigos. É uma solução para a reposição dos dentes que traz benefícios, mas, segundo o profissional, não tantos quanto a prótese fixa.

Prótese fixa sobre o implante

É um procedimento invasivo, que consiste na inserção de pinos de titânio no lugar das raízes dos dentes perdidos. Por cima deles, são encaixadas as próteses. De acordo com Lembo, justamente por ser uma solução fixa, a reabilitação oral é mais vantajosa.

“A força na mastigação, o conforto, a limpeza e a estética são semelhantes aos dos dentes naturais”, completa. Ao optar por esse procedimento, todo o tempo de adaptação é calculado previamente para garantir uma retomada ao comer e sorrir sem medos.

Ainda de acordo com o cirurgião-dentista, pacientes com dentadura mastigam com cerca de 20% da força dos dentes naturais. Com o implante dentário esse percentual é de 85%, podendo chegar até a 95%.

Quando optar pela dentadura

Por mais que a dentadura parece ser o caso menos indicado para quem precisa recorrer a reposições na arcada dentária, existem situações em que ela é a mais indicada. É o caso, por exemplo, de quem possui uma gengiva não muito saudável ou uma mandíbula sem muita força.

Para saber qual é a melhor alternativa no seu caso, a dica é recorrer a um cirurgião-dentista. Somente ele está apto a indicar o melhor procedimento. “É importante entender as diferenças e benefícios, mas é mais fundamental ainda consultar um profissional para receber o tratamento correto”, finaliza o diretor técnico da Simplan.

Gostou das dicas de saúde? Então aproveite e compartilhe o artigo com seus seguidores nas redes sociais! E não se esqueça de conferir outras novidades aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
prótese fixa
dentes
arcada dentária
mastigação

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ