Primeiros Socorros

20/11/2014 07:16 - Atualizado em 02/12/2016 09:31

Veja como socorrer uma vítima de infarto

Dor no peito e formigamento no braço podem ser sintomas de infarto.

POR

Redação

  • +A
  • -A

É impossível saber quando um infarto irá ocorrer. Caracterizado pela morte das células de uma região do músculo do coração, o problema pode ocorrer em casa, no trabalho, na escola ou mesmo na rua.

A imprevisibilidade é uma das principais responsáveis pelas complicações, já que os primeiros socorros são fundamentais para diminuir a chance de sequelas. Talvez você nunca precise adotar os procedimentos, mas é muito melhor conhecê-los e estar preparado para salvar uma vida do que se deparar com uma situação de risco e não saber como agir.

infarto

Infarto é causado pela interrupção do fluxo sanguíneo

Também conhecido como ataque cardíaco, o infarto decorre da formação de um coágulo - cientificamente chamado de trombo - que interrompe, de forma abrupta, o fluxo sanguíneo no interior da artéria coronária. A irrigação sanguínea é responsável por levar nutrientes e oxigênio ao coração. Quando ela é interrompida, as células da região afetada deixam de funcionar, ocasionando a necrose do músculo cardíaco.

Embora ocorra de forma súbita, a interrupção do fluxo de sangue na artéria é resultado de um longo processo no qual placas de gordura se desenvolvem no interior das artérias, criando dificuldades à irrigação sanguínea. Essas placas de gordura se formam devido a uma série de fatores, sendo o principal deles a alimentação.

Fique atento aos sintomas do infarto

Embora o infarto possa levar a uma parada cardíaca, essa não é uma regra. Esteja atento aos sintomas, principalmente se você apresenta fatores de risco ou convive com pessoas propensas ao problema:

- Dor fixa no peito, semelhante a uma sensação de compressão, que geralmente dura cerca de trinta minutos

- Ardor no peito, que pode ser confundido com azia, mas não está necessariamente associado à ingestão de alimentos

- Suor, náuseas, vômitos, tontura, vertigens e desfalecimento

- Agitação, ansiedade e sensação de morte iminente

- Formigamento e dor nos braços e nos ombros.

infarto

Reanimação cardíaca é um dos primeiros socorros

Agir de forma rápida e pontual, principalmente no caso de a vítima ter sofrido uma parada cardiorrespiratória decorrente do infarto, é fundamental para diminuir o risco de sequelas. Após chamar socorro médico (SAMU 192), proceda da seguinte maneira:

- Se a pessoa estiver consciente e conseguir engolir sem dificuldade, faça-a tomar dois comprimidos de aspirina imediatamente, enquanto a mantém aquecida e em repouso, aguardando a chegada do atendimento médico. Transmita tranquilidade e confiança à vítima, a fim de que ela não se desespere ou entre em pânico, o que só atrapalha no processo.

- Se a pessoa desfalecer, verifique sua respiração e seu pulso. Na ausência desses sinais vitais, inicie imediatamente os procedimentos adequados de massagem cardíaca (descritos a seguir), mantendo-os até que o socorro chegue. A massagem é absolutamente fundamental para potencializar a chance de recuperação.

Como realizar uma massagem cardíaca

Ajoelhe-se ao lado da vítima, que deve estar deitada de barriga para cima. Com o peso do corpo, faça compressões curtas e fortes - não tenha medo de quebrar as costelas, pois esse dano será muito menor do que o provocado pela parada do coração - com as palmas das mãos em uma posição três dedos acima do osso externo do peito, comprimindo e aliviando de forma ininterrupta.

Esse exercício contribui para comprimir o músculo cardíaco e pode reanimar os batimentos naturais do organismo. Se você cansar (é natural, em virtude do esforço), peça para que outra pessoa assuma o seu lugar, alternando posições enquanto a ambulância está a caminho. A frequência das compressões deve ser de 60 por minuto - ou uma a cada segundo.

Gosta das nossas dicas de saúde? Então deixe um comentário! E não esqueça de curtir nossa página no Facebook para ficar ligado em todas as novidades do Vivo Mais Saudável.

TAGS
primeiros socorros
saúde
parada cardíaca

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ