Primeiros Socorros

12/06/2014 09:00 - Atualizado em 08/12/2016 12:11

Sintomas de infarto vão muito além da dor no peito. Previna-se

Ficar atento aos sintomas de infarto é importante para prestar os primeiros socorros.

POR

Redação

  • +A
  • -A

O infarto agudo do miocárdio é a segunda principal causa de mortes no Brasil. No ano de 2010, cerca de 80 mil brasileiros faleceram em decorrência desse problema. Apenas o acidente vascular cerebral (AVC) tira mais vidas no País. Nesse contexto, aproximadamente 60% das vítimas são homens. Em meio às emoções da Copa do Mundo, vamos descobrir agora quais são os principais sintomas de infarto, que vão muito além das dores no peito.

Causas e sintomas de infarto

Foto: Shutterstock

Foto: Shutterstock

O infarto do miocárdio acontece quando uma parte do músculo do coração começa a necrosar devido à falta de irrigação sanguínea. Isso acontece, geralmente, pela obstrução de uma artéria coronariana. A causa mais comum para essa obstrução é o acúmulo de placas de gordura nas paredes do vaso sanguíneo.

Por isso, os mais propensos a sofrerem o infarto são pessoas obesas, hipertensas, com colesterol alto ou estressadas. O bloqueio do fluxo do sangue ocasiona a falta de nutrientes e oxigênio para o coração. As consequências podem ser desde sequelas irreparáveis até o óbito.

A taxa de mortalidade hospitalar no caso de internações por infarto agudo é alta. Quanto mais demorado é o tempo entre o início dos sintomas e o atendimento final, maior é a chance de ocorrer o óbito do paciente. Portanto é fundamental que conheçamos bem os sintomas de infarto, os quais podem indicar que uma pessoa está na iminência de ter um. Quando os sintomas de infarto forem observados, chame uma ambulância o mais rápido possível.

Falta de ar é um dos sintomas de infarto

Muita gente pensa que os únicos sintomas de infarto são as fortes dores no peito e a falta de ar. De fato, se a pessoa tem mais de 40 anos e apresentar um mal súbito com essas características, provavelmente esses sinais são os primeiros sintomas de infarto agudo do miocárdio.

Mas a lista não se restringe a esses dois alertas. Também podem ser sintomas de infarto:

- Ardo, que pode ser confundido com azia;

- Irradiação da dor no peito para mandíbula, braços (sendo mais frequente o lado esquerdo), pescoço, axila ou costas;

- Suor frio;

- Tosse seca;

- Dor no estômago, sem relação com a alimentação;

- Náuseas;

- Vômito;

- Tontura;

- Desfalecimento;

- Fraqueza;

- Palpitações;

- Ansiedade;

- Agitação.

Caso você observe os sintomas de infarto

Como já dito, o fundamental ao perceber esses sintomas de infarto é chamar uma ambulância para que o atendimento especializado ocorra o mais rápido possível. Até ela chegar, no entanto, a massagem cardíaca seguida de respiração boca a boca pode ser importantíssima para salvar a vida de uma pessoa que infartou e perdeu a consciência.

Para realizar a massagem, primeiro deite a pessoa de costas, sobre uma superfície plana. A pressão deve ser exercida com as mão espalmadas, uma sobre a outra, mantendo os dedos esticados. Faça a massagem pressionando o meio do tórax, mais precisamente na parte inferior do osso externo. A pressão deve ser feita em movimentos no ritmo de uma compressão por segundo.

A cada 30 compressões, faça duas respirações boca a boca. Para isso, cerifique-se que a cabeça está um pouco para trás e as vias respiratórias desobstruídas. Se alguma coisa estiver bloqueando a garganta da pessoa, retire-a com uma pinça ou com seus dedos. Para realizar a respiração boca a boca, tape o nariz da vítima do infarto, inspire profundamente e solte o ar na sua boca. Observe se o tórax dela sobe, enchendo-se de ar. Se a pessoa não voltar a respirar sozinha, repita o procedimento.

Se você já presenciou um momente desses, e quer deixar a sua opnião e contar um pouco sobre a sua experiência, deixe o seu comentário.

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ