Mulher

05/02/2015 07:17 - Atualizado em 14/10/2016 12:07

Saiba quando realizar o exame de mamografia

Uma das formas mais eficazes de diagnosticar o câncer de mama cedo é com o exame de mamografia.

POR

Redação

  • +A
  • -A

No dia 5 de fevereiro é celebrado o Dia Nacional da Mamografia, a fim de divulgar e conscientizar as mulheres sobre a importância de realizar o exame de mamografia. O método é capaz de identificar qualquer alteração nos seios, ajudando, assim, no diagnóstico precoce do câncer de mama, um dos que mais atingem mulheres no mundo todo.

exame de mamografia

Importância do exame de mamografia

Segundo o Instituto Nacional de Câncer (Inca), o câncer de mama é o segundo tipo de câncer mais frequente no mundo, e também o mais comum entre as mulheres, chegando a 22% dos casos diagnosticados anualmente. A doença é a principal causa mundial de morte por câncer na população feminina entre 39 e 58 anos.

Esses dados, porém, podem ser diminuídos com a detecção dos tumores mamários na fase inicial, o que aumenta as chances de cura. O exame de mamografia é a principal forma de diagnosticar a doença precocemente.

A análise é capaz de identificar tumores com menos de 1cm de diâmetro, ainda imperceptíveis ao toque. Nesses casos, as chances de cura podem chegar a 98%.

Quando fazer o exame de mamografia

Além de ser disponibilizado gratuitamente pelo sistema de saúde pública, o exame de mamografia é rápido e fácil. É recomendado que sua realização seja feita de forma sistemática a partir dos 40 anos de idade, pois o risco da enfermidade começa a aumentar de forma relevante.

O intervalo entre os exames deve ser de no máximo um ano. Alterações podem surgir e se desenvolver nesse espaço de tempo.

O exame de mamografia é realizado com um equipamento de raios X, no qual a mama é comprimida entre duas placas para gerar uma imagem. O médico avalia o laudo a partir da visualização e do detalhamento do exame, que é capaz de identificar qualquer alteração suspeita.

Qualquer alteração, mesmo que seja algum nódulo em fase inicial, aparece no raio-X. Por serem pequenos, os nódulos possuem menores chances de disseminação e, assim, maior possibilidade de cura. A confirmação do câncer de mama é feita pelo exame histopatológico, uma biópsia que analisa uma pequena parte retirada da lesão.

O exame de mamografia convencional evoluiu com o passar dos anos e, além da opção analógica, agora também existe a mamografia digital. Como utiliza equipamentos mais sofisticados e eficazes, o exame digital tem um melhor desempenho, principalmente nas mulheres com mamas mais firmes, densas ou grandes.

Com tantas opções, você está esperando o que para cuidar de sua saúde? Conte para nós quando foi sua última ida ao médico. E não esqueça de curtir nossa página no Facebook para ficar por dentro de todas as novidades do Vivo Mais Saudável.

TAGS
saúde da mulher
câncer de mama
prevenção
exames

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ