Mulher

30/12/2015 10:00 - Atualizado em 03/12/2016 09:52

Nutricionista online: Praticidade pode esconder riscos

Informações sobre nutrição disponíveis na internet não substituem consulta presencial com um profissional da área.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Muitas pessoas buscam atendimento com nutricionista online. Por falta de tempo ou dinheiro para pagar uma consulta presencial, elas optam por esse serviço oferecido pela internet, para obter maior praticidade e rapidez em sua reeducação alimentar.

Em algumas plataformas, basta se cadastrar, informar alguns dados referentes à forma física e começar a seguir as instruções, que são enviadas por e-mail, pelo site ou em consulta por chat ou Skype. Existem opções grátis e outras em que é preciso pagar um valor fixo ou fazer uma assinatura mensal. 

E vale a pena? Começar uma dieta sem sair da frente do computador parece uma boa tentadora, mas exige cuidados.

Nutricionista online

Como funciona um nutricionista online

A maioria dos programas de nutricionista online seguem métodos já conhecidos, como a diminuição da ingestão de carboidratos ou a dieta dos pontos. As instruções são dadas de acordo com as características dos regimes e com as informações básicas pessoais passadas pelo usuário. 

Os diferenciais do serviço são os lembretes constantes por e-mail, com dicas e sugestões para não fugir do cardápio sugerido, alem de mensagens motivadoras, aplicativos para celular e, em alguns casos, uma rede social com grupos de pessoas que têm o mesmo objetivo de emagrecimento e usam o mesmo método.

Saiba Mais
Chá termogênico ajuda na dieta: Prepare 2 receitas
Dieta de Juju Salimeni reduz o percentual de gordura
Dieta da aveia: Garanta 3 benefícios do cereal

A proposta de alguns serviços de nutricionista online é desenvolver a consciência alimentar do usuário do site. Baseado nas informações de peso, altura, idade e sexo de cada pessoa, o sistema sugere uma dieta específica que deve ser seguida, como uma cota de pontos que podem ser consumidos no dia, por exemplo. Outros cuidados, como praticar exercícios físicos faz com que se ganhe mais pontos para a alimentação.

Alguns programas seguem o princípio de dividir os alimentos em dois grupos: os que ajudam na perda de peso e podem ser consumidos à vontade, e os que atrapalham o emagrecimento e devem ser evitados. Na prática, a dieta orienta que sejam evitados os carboidratos simples (massa, batata, arroz, pão) e que a alimentação seja baseada no consumo de proteínas, gorduras e alimentos termogênicos.

Mas as indicações variam de acordo com cada serviço e também com as informações passadas pelo internauta. Por um lado, um nutricionista online pode ajudar muito aquelas pessoas que seguem uma dieta por conta própria, conseguindo assim uma orientação mais específica.

Porém é preciso ter em mente que essa orientação não substitui as consultas presenciais e individuais de um especialista. O serviço pode ajudar a esclarecer dúvidas e informar sobre o assunto, mas não restringir a alimentação e indicar mudanças radicais.

Ou seja, você pode até buscar informações sobre nutrição em sites, mas não deve deixar de consultar um nutricionista pessoalmente.

A importância da consulta presencial

Segundo a Sociedade Brasileira de Alimentação e Nutrição (SBAN), uma consulta nutricional adequada deve conter os seguintes fatores: 

- Avaliação do estado nutricional, para determinação do diagnóstico nutricional e das necessidades nutricionais;

- Desenvolvimento do plano de ação nutricional;

- Implementação da dietoterapia, determinada pelo cálculo da dieta e conteúdo de macro e micro nutrientes;

- Educação nutricional, envolvendo conceitos básicos de saúde e alimentação;

- Avaliação da eficiência da intervenção.

Essas ações são trabalhadas para dar suporte profissional e especializado em todos os aspectos relacionados ao cuidado nutricional. Na prática, o nutricionista deve solicitar exames e levar em consideração todos os aspectos relacionados à alimentação e ao estilo de vida do paciente, para então indicar mudanças na sua dieta, conhecendo os fatores ambientais e genéticos de cada pessoa.

Ou seja, o atendimento do nutricionista deve ser feito de forma individual, voltado para as características, necessidades e objetivos de cada paciente. Por isso, é fundamental a consulta direcionada, bem como a realização de exames para indicar o melhor caminho para aquela pessoa, o que não é possível através do nutricionista online.

O portal Vivo Mais Saudável, por exemplo, oferece serviços ligados a dietas, nutrição e alimentação. Esses serviços apresentam dicas saudáveis e são excelente fontes de informação, mas não devem substituir uma consulta tradicional. E você, já teve sucesso em seu regime com o acompanhamento de um profissional da nutrição? Deixe um comentário!

TAGS
nutrição
nutricionista
alimentação
saúde

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ