Mulher

14/02/2016 11:00 - Atualizado em 03/12/2016 11:00

Descubra a reposição hormonal natural

Conheça remédios e alimentos que ajudam a equilibrar alterações hormonais.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Conforme a idade avança, surgem novas dúvidas. As reações da menopausa e os efeitos da queda de hormônios são algumas das preocupações. Com receio de recorrer a remédios, muitas mulheres buscam alternativas, como a reposição hormonal natural.

Conviver com as variações dos hormônios faz parte - puberdade e TPM que o digam. Ainda assim, quando a meia idade chega, há o medo de que as mudanças sejam muito bruscas, ou que apareçam problemas de saúde. Continue a leitura e veja como enfrentar essa fase da vida sem preocupações.

mulher de meia idade faz reposição hormonal natural

Como fazer uma reposição hormonal natural

Existem medicamentos e até alimentos que podem ajudar as mulheres a passar por esse processo sem grandes efeitos colaterais. Porém, como os resultados variam de pessoa para a pessoa, é necessário consultar um médico antes de adotar alguma dessas soluções.

Alguns estudos a respeito de terapias hormonais apontam que certos tipos de compensação, no longo prazo, podem trazer riscos à saúde. A reposição hormonal natural, então, surge como alternativa. Raízes, cremes e suplementos podem ajudar a regular os níveis de estrogênio.

Cremes produzidos a partir do extrato de inhame selvagem podem ser preparados em laboratórios. Ele teria semelhanças com os efeitos oferecidos pela progesterona. Benéfico para o tratamento de osteoporose, favoreceria a densidade óssea, além de reduzir o efeito da retenção de líquidos.

Pesquisas também indicam que as mulheres japonesas que consomem alimentos ricos em soja sentem menos ondas de calor que as ocidentais. O grão está presente no tofu, no leite vegetal e em outros produtos.

Já herbalistas têm recomendado uma raiz conhecida como cimicifuga racemosa, que teria sido pesquisada pelo Ministério da Saúde Alemão e aprovada para tratamentos de reposição hormonal natural, com diminuição de ondas de calor em cinco dias de uso. Outros institutos de saúde, no entanto, não tiveram os mesmos resultados.

Há também uma variedade de suplementos para reposição hormonal natural feitos com combinações de ervas para reduzir diversos problemas relacionados à menopausa. Ainda não há confirmação sobre a eficácia e a segurança desse tipo de tratamento. Alguns já foram testados, mas é sempre aconselhável conversar com seu médico antes de adotar qualquer um deles.

Em geral, uma dieta rica em cálcio e com baixo teor de gordura contribui para regular os hormônios naturalmente. Reduzir o consumo de bebidas alcoólicas, não fumar e praticar atividades físicas regularmente são outras medidas para reduzir as ondas de calor e melhorar a qualidade de vida.

Reposição hormonal gera controvérsias

De acordo com a Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM), as dúvidas em relação à reposição hormonal feminina são diversas. Não há consenso quanto ao tempo máximo para a terapia, cada caso é único.

Conforme a SBEM, os principais sintomas da menopausa começam a acontecer entre os 45 e os 55 anos de idade, variando conforme a mulher. Eles envolvem menstruação irregular, ondas de calor, suor noturno, insônia, diminuição do desejo sexual, irritabilidade, osteoporose, depressão, ressecamento vaginal, dor durante o sexo e diminuição da atenção e da memória.

Você recorreria a suplementos de ervas para controlar os hormônios? Ou prefere medicamentos prescritos pelo médico? Deixe seu comentário! E aproveite para conferir outras dicas de saúde aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
alimentação
dieta
atividade física
estrogênio

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ