Mulher

09/06/2015 10:47 - Atualizado em 02/12/2016 06:41

Copo menstrual é para todas? Tire suas dúvidas

O método, prático e sustentável, substitui o uso do absorvente descartável.

POR

Redação

  • +A
  • -A

O copo menstrual vem dando o que falar. O utensílio, na verdade, já era conhecida em outros países, mas faz pouco tempo que o assunto começou a chamar a atenção das brasileiras. O objeto nada mais é que um copo de silicone maleável que substitui o uso de absorventes femininos.

A sua longa durabilidade - cerca de dez anos - é um dos principais atrativos. Durante toda a vida, a mulher pode utilizar até 10 mil absorventes. Assim, essa é uma grande contribuição para o meio ambiente, já que os absorventes tradicionais não são biodegradáveis e levam cerca de 450 anos para se decompor.

copo menstrual

Descomplicando o copo menstrual

Está interessada no uso do copo menstrual? O Vivo Mais Saudável reuniu informações básicas para você tirar todas as suas dúvidas sobre o método e usar o produto sem medo.

Como ele funciona?

O copinho, também chamado de coletor menstrual, é feito de silicone e, por isso, é totalmente maleável. Para inseri-lo, é só dobrá-lo, que ele se abrirá dentro da vagina. Para posicioná-lo corretamente, a dica é passar o dedo em volta do copo para garantir que ele esteja em contato com toda a parede vaginal.

Quem pode usar?

O copo menstrual pode ser usado por todas as mulheres, em qualquer idade, pois os músculos da vagina são bastante flexíveis. No entanto, se existe preocupação com o rompimento do hímen, é preciso buscar aconselhamento com um ginecologista.

Além disso, existem diferentes modelos, alguns mais indicados para mulheres que já tiveram filhos e outros, para pessoas mais jovens. Mulheres com fluxo intenso também são encorajadas a utilizar o método, pois o copinho tem capacidade de coleta maior que os próprios absorventes descartáveis.

É possível dormir com ele?

Sim. O copo menstrual pode ser usado por 12 horas (para mulheres com fluxo normal), ou seja, é possível ficar limpa e segura durante toda a noite.

O cheiro é ruim?

O sangue menstrual não possui cheiro. Na realidade, o contato com o oxigênio é que potencializa o odor característico da menstruação. Como o coletor mantém o sangue dentro do corpo, você não precisa se preocupar com cheiros desagradáveis.

Causa incômodo?

É questão de adaptação. Com o tempo, a mulher vai aprendendo a forma de colocá-lo da maneira mais cômoda. Além disso, depois de inserido, o coletor não deve doer nem incomodar. Caso isso ocorra, há chances de ter sido colocado de forma errada.

Pode ser usado na academia?

Sim. O copo menstrual pode ser usado durante atividades físicas. Se o fluxo menstrual é intenso, é indicado esvaziar o coletor antes de iniciar os exercícios, evitando assim o vazamento.

Deve-se esvaziá-lo durante o dia?

Para fluxos intensos, o ideal é esvaziar o copo menstrual a cada seis horas. Já para um fluxo normal, o indicado é higienizar o coletor a cada 12 horas.

De olho na higienização

Cuidados com a higiene do seu copo menstrual são importantíssimos para evitar alergias e infecções. Por isso, lave o coletor com água e sabão neutro duas ou três vezes ao dia. No final de cada ciclo menstrual, aconselhá-se ferver o produto em água por cerca de cinco minutos. Lembre-se de reservar um recipiente especial para guardar o coletor.

E você, pretende aderir ao copinho? Conte para nós! E aproveite para conferir as dicas de saúde do Vivo Mais Saudável.

TAGS
menstruação
higiene íntima
saúde feminina
ciclo menstrual

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ