Homem

28/03/2016 04:00 - Atualizado em 05/12/2016 12:44

O que fazer quando o freio do prepúcio se rompe?

O problema pode acontecer durante a primeira relação sexual.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Também conhecido como frênulo, o freio do prepúcio se localiza entre a pele que reveste o pênis e a glande, tendo contato tanto com a área interna quanto com a externa do corpo. Em cada homem, essa região apresenta uma aparência distinta.

O rompimento do frênulo pode provocar dor intensa e sangramento. Qualquer homem, em qualquer idade e mesmo que seja virgem, está sujeito a isso. Por ser uma parte bastante sensível e erógena do pênis, ela precisa ser bem cuidada para que não se rompa. Saiba como prevenir acidentes e que atitude tomar em uma emergência.

urologista explica a paciente sobre freio do prepúcio

Freio do prepúcio rompe quando é curto

Durante a excitação sexual, o freio do prepúcio se estica. Esse tecido genital masculino pode ser formado por grande quantidade de pele em alguns casos e, em outros, por quase nada. É nessa última situação que ocorre a maioria dos rompimentos.

Com o pênis completamente ereto, o frênulo expande porque o prepúcio fica retraído e a glande está exposta. Apesar de natural, esse processo rompe o freio quando não há pele suficiente ou ela se estica demais. O preservativo não é suficiente para conter a cabeça mais próxima à pele que reveste o pênis.

Assim, quando muito curto, o freio do prepúcio pode se rasgar. Geralmente, a ferida ocorre já na primeira relação sexual ou durante masturbações intensas. O machucado costuma cicatrizar em alguns dias, mas, logo que a lesão ocorre, o sangramento pode durar cerca de 20 minutos, dependendo da dimensão do machucado.

Primeiros socorros em caso de rompimento

Se o freio do prepúcio romper, a primeira medida a tomar é conter a hemorragia. Com uma gaze esterilizada, cubra o ferimento e pressione levemente com o polegar até que estanque e o pênis volte ao estado normal. Em pouco tempo, ele deve parar de sangrar.

É comum a lesão arder no começo, mas, aos poucos, ocorre a cicatrização, sem que seja necessário um tratamento doloroso. Geralmente, o médico receita cremes ou pomadas antibióticas para evitar infecções. O restante dos procedimentos envolve apenas limpeza para desinfetar a região e evitar a proliferação de germes ou bactérias.

Caso você sinta que seu frênulo é curto, o ideal é consultar um urologista ou andrologista antes de começar a ter relações sexuais. Quando ocorre a penetração, o freio pode se romper na primeira experiência e provocar algum tipo de trauma.

Se o freio do prepúcio se rompe, é necessário evitar sexo até que a cicatriz se feche. Depois de curada a lesão, as relações devem ser feitas com lubrificante. Como não é algo sério, esse tipo de machucado não exige um tratamento muito longo - apenas quando o homem sente muita dor e irritação.

Caso a lesão não seja curada completamente, pode ocorrer um novo rompimento no mesmo lugar. Algumas pessoas precisam recorrer a uma cirurgia chamada frenuloplastia para alongamento da membrana. Quando feita, é possível ter mais liberdade para a penetração, evitando sangramento e movimentos bruscos.

Ainda tem dúvidas sobre o assunto? Então deixe um comentário! E aproveite para conferir outras dicas de saúde aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
rompimento do frênulo
lesão
sangramento
pênis

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ