Especialidades

30/01/2016 11:00 - Atualizado em 23/11/2016 11:21

Entenda como uma doença psicossomática atua no corpo

A mente pode fazer com que o corpo também fique adoecido.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Você já sentiu dores ou sintomas que os médicos não conseguiam identificar? Ficou sem saber a causa orgânica ou biológica do problema? Talvez tenha sido uma doença psicossomática. Entenda como elas se manifestam e qual é o tratamento mais indicado.

O que é uma doença psicossomática?

Na Antiguidade, o adoecimento era tido como manifestação de forças sobrenaturais. Por isso mesmo, o processo de cura passava muito por rituais religiosos. A literatura médica está cheia de relatos do gênero e só mais tarde que a ciência separou os tratamentos.

Aos poucos, outras visões foram dando conta da necessidade de um equilíbrio, e também de tratar a alma. Então, no campo da psicologia, o estudo das doenças psicossomáticas passou a ter bastante importância.

médico e paciente falam sobre doença psicossomática

É comum, no entanto, parecer que algumas situações são minimizadas quando ouvimos frases como “isso é psicológico” ou que é “apenas algo da sua cabeça". Mas não é justamente na cabeça que reside o cérebro, responsável pelas funções do corpo?

Os pesquisadores descobriram que é possível somatizar o estresse - ou seja, manifestar no corpo, por meio de uma doença ou um sintoma, algo que começou como um conflito emocional. É o caso de problemas de estômago ou dores de cabeça que resultam de ansiedade. Há, ainda, casos de perda de cabelos.

Nesses casos, é preciso identificar a causa do problema, pois apenas uma medicação não resolve, já que o fator que desencadeou a doença psicossomática continuará acontecendo. Isso se dá graças à ação do hipotálamo.

Essa glândula produz hormônios que controlam funções orgânicas. Quando alteradas pelas emoções e pelos sentimentos, elas acabam reagindo e acarretando doenças, entre elas problemas respiratórios, gastrointestinais, de pele ou mesmo circulatórios. É por isso que, muitas vezes, as pessoas tremem, têm dores de barriga ou rangem os dentes de nervosismo.

Saiba Mais
Manias excessivas indicam transtornos mentais
Terapias alternativas: Escolha a ideal para você
Reprogramação mental: Saiba o que ela pode fazer por você

Como tratar doenças psicossomáticas

Uma doença psicossomática pode não se manifestar se a pessoa estiver bem e reaparecer quando o paciente estiver com outros problemas associados. São exemplos disso diarreia, herpes, resfriados, psoríase, entre outras.

Os principais sintomas são estresse, dores de cabeça ou de barriga, palpitações, tremores, boca seca, enjoo, náusea, perda de desejo sexual e baixa autoestima. Todos esses sinais misturam emoções. Também pode haver aumento da irritabilidade.

O diagnóstico muitas vezes é complicado, devido á dificuldade de admitir que o problema pode não ser físico. Para prevenir uma doença psicossomática, deve-se conhecer bem a si mesmo e levar uma vida saudável, além de não se cobrar tanto.

Ao identificar algum dos sintomas citados ou qualquer situação de estresse acima do normal, o ideal é procurar ajuda de um psicólogo ou um psiquiatra para o tratamento começar logo. Em geral, a terapia é associada a hábitos que devem seguir pela vida toda, tais como afastar-se daquilo que desencadeia o problema ou mudar de postura em relação a ele.

Tirou suas dúvidas sobre doença psicossomática? Deixe um comentário! E aproveite para conferir outras dicas de saúde aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
doença psicológica
hipotálamo
sintomas
estresse

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ