Especialidades

04/01/2016 10:00 - Atualizado em 01/12/2016 10:21

Descubra a importância da abreugrafia para sua saúde

Método criado por médico radiologista brasileiro tornou o diagnóstico da tuberculose mais acessível e rápido.

POR

Redação

  • +A
  • -A

No dia 4 de janeiro, é comemorado o Dia da Abreugrafia. A data relembra a importância do aparelho que revolucionou o diagnóstico e tratamento da tuberculose. Esse dia foi escolhido em homenagem ao aniversário de Manuel Dias de Abreu, o precursor e criador da Abreugrafia, indicado ao Prêmio Nobel cinco vezes.

O método criado pelo brasileiro registra fotograficamente a imagem obtida na radioscopia. Tornou-se um dos exames mais eficazes no diagnóstico da tuberculose e outras doenças relacionadas ao pulmão.

A importância da abreugrafia

O médico radiologista nasceu em 1892, em São Paulo. O exame, que leva seu nome na origem, foi criado em 1936 e tornou-se mundialmente conhecido pela sua eficácia.

Manoel de Abreu formou-se pela Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro e publicou diversos livros e artigos sobre a abreugrafia. O profissional foi reconhecido por diferentes entidades médicas respeitadas e tornou-se membro honorário de diversas sociedades ao redor do mundo.

O grande impacto da abreugrafia se deu pelo alto índice de mortalidade por tuberculose na década em que o método foi inventado. Diversas táticas para o combate da doença já haviam falhado e a situação tornava-se cada vez mais delicada.

Saiba Mais
Tuberculose ainda faz vítimas no Brasil: Saiba como preveni-la
Reconheça os sintomas da tuberculose e evite a doença
Vacina BCG protege crianças contra a tuberculose

O primeiro aparelho de abreugrafia usado com o público foi instalado no Rio de Janeiro. Apesar de sensível e fornecer imagens pequenas (35 mm ou 70 mm), era uma máquina com baixo custo operacional, que permitia que diversos exames fossem realizados em um curto espaço de tempo.

Abreu faleceu em 1962, aos 70 anos, mas seu legado continua presente, e o Dia da Abreugrafia resgata o importante trabalho realizado pelo médico radiologista.

Abreugrafia

A tuberculose no Brasil

O Brasil já foi considerado referência no combate à tuberculose, porém ainda convive com essa doença. Segundo os dados mais recentes do Ministério da Saúde, de 2005 a 2015, o Brasil reduziu em 22,8% a incidência de novos casos da doença, e a taxa de mortalidade caiu em 20,7%.

O objetivo agora é reduzir em 95% os óbitos e em 90% o coeficiente de incidência da tuberculose até 2035. Esse é um plano que faz parte dos Objetivos do Milênio da Organização Mundial de Saúde (OMS). Em 2015, o número de novos casos da doença teve redução de 12,5%, passando de 77.694, em 2004, para 67.966 casos novos registrados em 2014.

A tuberculose é uma doença contagiosa e maneira mais eficaz de prevenir novas contaminações é identificando rapidamente pacientes com a doença e iniciando o tratamento imediato. Felizmente, a abreugrafia - hoje ainda mais modernizada - oferece esse diagnóstico rapidamente.

O Dia da Abreugrafia mostra a importância da inovação em todas as áreas e celebra a contribuição de Manuel de Abreu para a saúde mundial. Você já tinha ouvido falar dessa data? Comente e continue acompanhando as dicas de saúde do Vivo Mais Saudável.

TAGS
pulmões
doenças
saúde
diagnóstico

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ