Criança

14/03/2016 05:00 - Atualizado em 01/12/2016 11:54

Tosse com sangue pode indicar tuberculose

Saiba como identificar a doença que atinge o sistema respiratório.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Com manifestações similares às da gripe - como febre, indisposição, fraqueza e perda de apetite -, a tuberculose é facilmente confundida com a doença viral. Outra semelhança está na transmissão. Ambos males se propagam pelo ar, em locais pouco ventilados e com aglomeração de pessoas. O que pode distingui-las é um sintoma peculiar, a tosse com sangue.

Enquanto na gripe essa manifestação é mais rara e aparece depois de um certo tempo de encubação do vírus, na tuberculose trata-se de um sintoma clássico. Segundo dados recentes da Organização Mundial de Saúde (OMS), estima-se que cerca de 9 milhões de pessoas contraiam essa doença bacteriana por ano. Dessas, 1,5 milhão são vítimas fatais.

Porém, acalme-se. Apesar dos números e de se tratar de uma doença grave, há grande possibilidade de cura, caso o paciente tiver um acompanhamento constante para identificar a doença no início dos sintomas.

criança tem tosse com sangue e usa lenço

Identificando a tuberculose

Segundo o presidente da Sociedade Brasileira de Medicina de Família e Comunidade (SBMFC), o médico Thiago Trindade, a maneira mais eficaz de identificar a tuberculose é a realização de exames para verificar se o bacilo está instalado no corpo. Nesse sentido, quanto mais rápido o teste for feito, melhor.

“Um dos maiores reservatórios, se não o maior, da bactéria é o próprio corpo humano. Durante as duas primeiras semanas de tratamento, o doente ainda pode contagiar outras pessoas, por isso é necessário que proteja a boca ao tossir ou espirrar”, orienta Trindade.

Entre os principais grupos de risco para o aparecimento da doença, estão idosos, quem já possua predisposição genética, pessoas desnutridas, usuários de drogas ilícitas, entre outros. Portadores de HIV têm maiores possibilidades de contrair a tuberculose, já que a imunidade se encontra em um nível muito inferior.

Tosse com sangue também indica algo mais sério

A tuberculose, no entanto, não é a única doença que pode apresentar a tosse com sangue como sintoma. A manifestação também é bastante comum em estágios mais avançados de câncer no pulmão.

Por ano, segundo outro relatório da OMS, são registrados cerca de 1,52 milhão de novos casos da doença. A neoplasia de pulmão também é a principal causa de óbito por câncer no mundo. Essa alta mortalidade se dá, especialmente, pela grande possibilidade de metástase para outros órgãos, mas, sobretudo, pelo difícil diagnóstico precoce.

De acordo com José Rodrigues Pereira, membro da Sociedade Paulista de Pneumologia e Tisiologia (SPPT) e coordenador da Comissão de Câncer, o câncer de pulmão geralmente não tem sintomas específicos, embora alguns casos possam apresentar falta de ar e tosse com sangue. Por isso, as pessoas custam a consultar um médico.

Pereira defende que, assim que qualquer sintoma incomum seja sentido, um médico deva ser procurado. Dessa forma, o diagnóstico e o início do tratamento acontecem o quanto antes. Quando detectado precocemente, tratamento consiste em retirar o tumor por completo. Não existindo tal possibilidade, utiliza-se quimioterapia e radioterapia.

Tirou suas dúvidas sobre tosse com sangue? Deixe um comentário! E aproveite para conferir outras dicas de saúde aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
sintomas
câncer de pulmão
diagnóstico
tratamento

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ