Criança

19/09/2014 09:30 - Atualizado em 14/09/2016 04:05

Primeiros exames do bebê são cruciais para o seu desenvolvimento

Os primeiros exames do bebê identificam doenças e tipagem sanguínea da criança.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Prevenindo possíveis doenças e identificando tipos sanguíneos, bebês necessitam passar por exames assim que nascem. Descubra quais são os primeiros exames do bebê e o que esses procedimentos podem influenciar na vida da criança.

primeiros-exames-do-bebe

Primeiros exames do bebê gratuitos na rede pública

Teste do pezinho
O teste de pezinho é feito a partir da coleta de sangue do calcanhar ou até mesmo da veia do bebê. Para ser feito o exame a criança deve ter sido amamentada, já que o leite materno aumenta a visibilidade de problemas metabólicos.

O que diagnostica
- Fenilcetonúria: deficiência no metabolismo de determinada proteína que pode levar ao retardo mental.
- Hipotireoidismo Congênito: deficiência na produção de hormônios da tireoide que pode afetar o desenvolvimento da criança ou levar ao retardo mental.
- Fibrose Cística: doença hereditária que pode gerar acúmulo de muco nos pulmões e no pâncreas, podendo levar à morte.
- Hemoglobinopatias: doenças de sangue, como a anemia falciforme.

É o mais clássico dos dos primeiros exames do bebê.

Teste do olhinho
O teste de olhinho identifica possíveis alterações oculares, como a catarata. Ele deve ser feito na primeira semana de vida. O exame, um dos primeiros exames do bebê, conta com um feixe de luz direcionado nos olhos da criança, que devem emitir uma cor avermelhada em contínua.

Tipagem sanguínea
A coleta é feita a partir da placenta ou do próprio bebê. O exame analisa o tipo sanguíneo, o que no futuro pode ajudar no caso de emergências médicas.

Teste da orelhinha
O teste da orelhinha é um dos primeiros exames do bebê e avalia se a criança apresenta surdez. É feito ainda na maternidade. O teste da orelhinha é feito com fones de ouvido que produzem estímulos inaudíveis que identificam traços de surdez na criança.

Teste do coraçãozinho
O exame analisa possíveis doenças cardíacadas, como defeitos nas válvulas do coração. É feito a partir de um aparelho de pressão chamado oxímetro. Esse aparelho é colocado em dois membros da criança para analisar a oxigenação de sangue. Caso o aparelho note diferença entre um e outro, a criança pode apresentar problemas cardíacos.

Teste do quadril
Feito ainda na maternidade, o teste do quadril é um dos primeiros exames do bebê e analisa possíveis problemas na área. Entre os possíveis problemas estão o encurtamento do membro e osteoartrose precoce, doença que destrói a cartilagem que reveste o osso. O teste do quadril é feito a partir da observação dos movimentos da perna e do quadril do bebê.

Não esqueça que os primeiros exames do bebê são gratuitos. Exija sempre seus direitos e faça com que sejam cumpridos.

Primeiros exames do bebê pagos

Teste do pezinho ampliado
Mais completo que o teste do pezinho clássico, o ampliado analisa mais de 30 doenças, que vão desde problemas metabólicos e genéticos, até doenças infecciosas. Ele deve ser feito em 48 horas após o nascimento. O procedimento é o mesmo do próprio teste do pezinho.

Gostou? Comente aqui embaixo e curta a página Vivo Mais Saudável!

TAGS
exames
criança
saúde

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ