Criança

09/08/2015 01:04 - Atualizado em 03/12/2016 10:38

Falta de apetite na criança pode ser estomatite infantil

A inflamação é causada principalmente por doenças virais, como herpes simples.

POR

Redação

  • +A
  • -A

A hora da refeição virou sinônimo de choradeira? A estomatite infantil pode ser a causa. Caracterizada pela inflamação da mucosa da cavidade oral, a enfermidade provoca dificuldade para consumir alimentos, além de aftas e muita dor.

A criança afetada pela estomatite demonstra dificuldade para comer, expelindo maior quantidade de baba durante a refeição. Segundo Dr. Felipe Monti Lora, pediatra do Hospital Infantil Sabará, de São Paulo-SP, o pequeno também pode apresentar vermelhidão da mucosa bucal, febre e mal-estar.

Causas da estomatite infantil

As causas são variadas. Alergias, traumas mecânicos com ulcerações e câncer da boca são algumas delas. Os casos infantis são originados principalmente por doenças infecciosas. “As infecções mais comuns são as virais, principalmente dadas pelos vírus herpes simples tipo 1 e cocksackie (responsável pela doença mão-pé-boca)”, diz Lora.

Os agentes infecciosos que desencadeiam a estomatite infantil normalmente aproveitam um momento de imunidade baixa para causar a inflamação. Se há sintomas recorrentes, é necessário conversar com o médico e procurar formas de potencializar a proteção do organismo. Suplementos e mudanças na alimentação podem ser indicados.

estomatite infantil triste garoto recusando comida

De acordo com o pediatra, não existem consequências para o organismo da criança. “A estomatite infantil pode significar o primeiro contato com o vírus herpes, que quase todos têm e ficará no corpo por toda a vida, podendo ser uma preocupação em casos de imunosupressão futura”, comenta.

Lora lembra da importância do consumo de água, que deve ser intensificado ainda mais durante a manifestação dos sintomas, já que a criança nega líquidos pela dor.

E engana-se quem acredita que a doença se manifesta apenas em crianças. De acordo com o pediatra, essa inflamação pode surgir em qualquer fase da vida. Na maioria dos casos, os sintomas podem durar até duas semanas, sendo a primeira a mais dolorida.

Tratamento e prevenção da estomatite infantil

Não existem tratamentos específicos. O pediatra pode recomendar o uso de analgésicos locais e orais e hidratação, sempre com líquidos não muito ácidos e não muito quentes. Alguns casos raros podem evoluir e demandam uso de antibiótico. Fique de olho e evite maiores problemas.

A prevenção é baseada em cuidados básicos. Lave as mãos do pequeno constantemente. Evite o contato com objetos infectados e aposte numa alimentação balanceada. A imunidade baixa, momento em que os agentes infecciosos podem atacar, é combatida com boas escolhas e cuidados com a saúde.

O hábito de colocar as mãos e os pés na boca também deve ser evitado. Converse com a criança e explique os motivos pelos quais o comportamento não é saudável. Caso ela tenha o costume de morder objetos, lembre-se de higienizá-los constantemente.

Viu como é simples cuidar da saúde do seu filho? Conte para nós o que você achou do artigo! E continue ligado nas dicas de bem-estar e qualidade de vida do Vivo Mais Saudável.

TAGS
aftas
falta de apetite
inflamação
herpes

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ