Criança

19/10/2015 11:29 - Atualizado em 30/11/2016 11:40

Doença de Hirschsprung causa constipação severa no bebê

Se não tratada precocemente, a doença pode levar a sérias complicações no intestino da criança.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Trocar as fraldas frequentemente é uma das principais tarefas dos pais de um bebê recém-nascido. Porém, em alguns casos, a constipação muda esse quadro e é motivo de preocupação. O problema pode ser sinal de uma condição pouco conhecida, chamada doença de Hirschsprung.

Essa patologia afeta bebês e crianças pequenas, devido a uma deficiência em que a passagem das fezes pelo intestino é obstruída. Quando identificado qualquer sinal do problema, é preciso buscar ajuda médica imediatamente para que possa ser feito o diagnóstico e indicado o tratamento adequado.

mãozinha de bebe com doença de hirschsprung

Conheça a doença de Hirschsprung

Também chamada de aganglionose intestinal congênita ou megacólon aganglionar intestinal, a doença de Hirschsprung ocorre devido à carência de células nervosas na parte inferior do intestino grosso ou do cólon, o que impede a passagem das fezes pelo intestino.

Alguns indícios apontam que o primeiro relato dessa doença tenha sido feito em 1691. Porém, somente em 1886 ela foi estudada e recebeu esse nome, em homenagem ao médico dinamarquês Harald Hirschsprung, responsável por descrever o caso de duas crianças que apresentavam constipação crônica e megacólon. Elas vieram a óbito por enterocolite e choque séptico.

As causas da doença ainda não são definidas, mas ela pode ocorrer por fatores hereditários e atinge cinco vezes mais meninos que meninas. Além disso, em alguns casos, também está associada a mutações genéticas, sendo mais propensa em crianças com síndrome de Down e problemas congênitos do coração.

Saiba Mais
Confira o que fazer quando há alteração no exame do pezinho do seu filho
Doença de Castleman pode causar problemas digestivos e respiratórios
Febre alta pode ser sinal de várias doenças

Geralmente, a doença de Hirschsprung se manifesta logo após o nascimento do bebê. No entanto, em alguns casos em que não é tão grave, os sintomas só aparecem depois de certo tempo, podendo ser meses ou até anos.

Os principais sinais são diarreia, abdômen distendido (inchado) e vômitos de cor verde ou marrom. Em caso de qualquer um desses sintomas, um médico deve ser procurado imediatamente.

Em situações mais graves, a enfermidade pode causar complicações sérias no intestino grosso, que podem até levar à morte, como enterocolite e megacólon tóxico - por isso a importância do diagnóstico rápido e do tratamento imediato.

Saiba identificar e tratar a doença

Na maioria das vezes, os sintomas da doença de Hirschsprung se manifestam imediatamente após o nascimento, devendo ser realizados exames específicos para confirmar o diagnóstico e tomar medidas precoces.

O tratamento da doença é feito com cirurgia, que permite que as crianças se curem totalmente e possam defecar sem problemas futuros. O procedimento se resume à retirada do segmento prejudicado, com reconstrução imediata do trânsito intestinal.

O que achou do artigo? Conte para nós! E continue de olho no Vivo Mais Saudável para conferir outras dicas de saúde para você e toda a sua família.

TAGS
diarreia
vômito
intestino
aganglionose

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ