Criança

14/06/2014 09:00 - Atualizado em 05/12/2016 06:51

Desmame do bebê requer cuidados especiais

Desmame é um momento bastante delicado para as mamães.

POR

Redação

  • +A
  • -A

O desmame é sempre um momento bastante delicado para as mamães. Qual é o melhor momento de realizá-lo e como proceder nessa hora? Descubra as respostas para suas dúvidas neste pequeno guia que preparamos sobre os cuidados especiais para o desmame.

Cuidados especiais para o desmame

Foto: Shutterstock

Foto: Shutterstock

A amamentação é recomendada como alimentação exclusiva para os bebês até os seis meses de vida. Passado esse período, não se apresse. Você deve começar a introduzir outros alimentos no cardápio do seu filho, sem largar o leite materno.

O desmame deve ser feito de maneira gradual e tranquila. Comece tentando oferecer outros alimentos nos horários em que geralmente o bebê mama. Aos poucos, a sua produção de leite vai diminuir e ele irá se acostumar, mas o momento exato em que isso irá acontecer varia muito de mãe para mãe e filho para filho. Não se esqueça que o leite de vaca só pode ser consumido por crianças com mais de um ano de idade, pois sua digestão é mais difícil. 

A partir dos seis meses da criança, portanto, comece a oferecer sucos e frutas em papa. Depois dos sete meses, pode principiar a introduzir a papinha salgada e, após um ano, alimentos em geral. Cuidado, no entanto, para não alimentar o bebê com sal e açúcar em demasia. Se já faz mal para adultos, imagina para seres humanos no início de seu estágio de desenvolvimento. 

Mudanças de hábito com o desmame

Antes do leite de vaca, introduza o especial de fórmulas infantis, que são enriquecidos com nutrientes importantes para a criança, escassos no leite tradicional. A mamadeira, tão tradicional, não é indispensável. O bico da mamadeira imita o bico do seio e é, portanto, uma substituição mais suave. Mas em algum momento a criança também terá de abandonar a mamadeira, então pode ser mais fácil promover essa mudança de hábito junto com o desmame. Além disso, o bico da mamadeira é anti-higiênico e difícil de limpar. Pode soar esquisito para quem está tão acostumado com a tradicional mamadeira, porém o copinho e a colher são as opções ideais. Se o bebê tiver dificuldade para se adaptar, pode ser usado um canudo. Lembre-se de que é normal que, nessa fase, seu filho consuma menos leite do que quando mamava.

Vínculo emocional após desmame

Há mães que receiam que a época do desmame signifique o fim de um vínculo emocional muito forte entre ela e o bebê. Realmente, nessa fase, a mãe e o seu filho são praticamente uma coisa só, mas essa relação é tão forte, que dificilmente será perdida. A mamãe pode mantê-la com muito carinho, colo, música e brincadeiras, hábitos construídos no dia a dia. Esteja preparada, porém, para encarar um filho mais manhoso. Ingerir outros tipos de comida pode ser um pouco desconfortável para o bebê no início, pois seu sistema digestivo precisa se adaptar. 

Uma dica para as mamães de primeira viagem: caso suas mamas continuem cheias após o desmame, você pode ordenhá-las até se sentir bem. Porém não retire todo o leite, pois isso pode estimular maior produção. Depois, aplique compressas frias nos seios por 10 minutos. 

Se você esta passando por essa fase, ou já passou, conte-nos um pouco de como foi ou esta sendo este processo!

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ