Clínica Geral

23/01/2015 05:05 - Atualizado em 30/11/2016 05:46

Vitamina D baixa: Saiba quais são as consequências no organismo

Aumento da TPM e enxaquecas fortes podem ser indícios de vitamina D baixa.

POR

Redação

  • +A
  • -A

A vitamina D ajuda a complementar a absorção do cálcio em nosso corpo, baixando as chances do aparecimento de raquitismo, osteomalácea, doenças cardíacas e osteoporose. Para as mulheres com enxaqueca e TPMs fortíssimas, a vitamina D baixa pode ser uma das causadoras das terríveis dores. Conheça mais sobre a importância da substância em nosso organismo.

vitamina-d-baixa 

Alimentos para a vitamina D baixa

Separamos uma lista completa de alimentos que contêm a substância. A dica, para quem está com a vitamina D baixa, é consumir pelo menos uma vez por dia algum deles.

- Óleo de fígado de bacalhau

- Óleo de salmão

- Ostras cruas

- Peixes

- Leite fortificado

- Ovo cozido

- Carnes e vísceras

- Manteiga

- Carne bovina.

Se você deseja fazer uma boa escolha diária, consuma laticínios. Eles são ricos em vitamina D e contam também com cálcio, importante para o bom desenvolvimento dos ossos.

Como aumentar a vitamina D?

A vitamina D em forma de suplemento pode ser encontrada em farmácias e lojas de manipulação. Antes de ficar animado para melhorar a sua saúde, vá até o nutricionista e faça um exame para identificar os níveis da vitamina em seu sangue. Somente o médico pode recomendar o consumo de suplementos alimentares.

Analisando a sua idade, local onde mora e também níveis de vitamina D no sangue, o nutricionista pode também criar uma dieta para aumentar os índices de consumo diário da vitamina. É estimado que um adulto deva consumir cinco microgramas da substância e ficar em média 20 minutos por dia ao sol.

Pessoas de pele negra podem ter uma dificuldade natural de sintetizar a vitamina D a partir do sol. Por isso, devem consumir alimentos ricos na substância.

Para não causar riscos de queimaduras, antes de se expor ao sol para combater a vitamina D baixa, passe protetor solar com fator de proteção acima de 30 em todo o seu corpo e rosto. Se necessário, ao longo do dia, reaplique o produto.

Sintomas de vitamina D baixa

Fraqueza muscular e raquistimo são alguns dos indícios de vitamina D baixa. Confira mais alguns deles:

- Diminuição do cálcio e do fósforo nos exames de sangue

- Sensação de fraqueza muscular

- Tetania

- Moleira aberta após o primeiro ano do bebê

- Irritabilidade, inquietação, anorexia e suor excessivo (em crianças)

- Osteoporose (em idosos)

- Raquitismo

- Osteomalácea

- Pernas tortas.

Como identificar os níveis de vitamina D?

O exame conhecido como vitamina D 25-hidroxi é o indicado para descobrir os índices da vitamina no sangue. Necessitando de jejum de quatro horas, os valores de referência do exame são de 30 a 74 mg/mL. Se você estiver com os níveis abaixo do normal, ligue para o seu nutricionista.

Gostou das dicas para combater a vitamina D baixa e melhorar seu bem-estar? Então deixe um comentário! E não esqueça de curtir nossa página no Facebook para ficar ligado em todas as novidades do Vivo Mais Saudável.

TAGS
nutrição
alimentação saudável
vitaminas
sol

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ