Clínica Geral

04/04/2016 12:45 - Atualizado em 01/12/2016 12:04

Saiba quem deve se vacinar contra a gripe A

Vacinação tem início hoje na região metropolitana de São Paulo.

POR

Redação

  • +A
  • -A

A gripe A está de volta aos noticiários. Devido ao grande número de pessoas infectadas, especialmente no estado de São Paulo, a doença retornou às manchetes e passa a ser tema de preocupação nacional. Inclusive, algumas regiões do país adiantaram-se à Campanha Nacional de Vacinação e começam a distribuir vacinas já no dia de hoje.

É o caso da região metropolitana de São Paulo, por exemplo. Até o fim do mês passado, haviam sido notificados 350 casos e 55 mortes no estado atribuídos ao vírus Influenza. Desse total, 260 ocorrências e 38 óbitos foram relacionados a H1N1.

Com a antecipação, a Secretaria Estadual de Saúde busca frear um pouco esses números, que já são cinco vezes maiores que o levantado em todo o ano passado. A expectativa é que 3,5 milhões de pessoas sejam vacinadas na capital paulista e nas cidades próximas.

adulto toma vacina contra gripe A

Vacinação seguirá cronograma

Segundo o médico infectologista e professor da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) Paulo Olzon Monteiro da Silva, algumas pessoas têm mais chances de desenvolver a doença, devido à maior fragilidade do sistema imunológico.

É o chamado grupo de risco, que no caso da gripe A engloba grávidas, crianças com menos de 5 anos, idosos com mais de 65 anos e pessoas com doenças que atacam a imunidade - indivíduos que fazem uso de corticoides em altas doses, pacientes em quimioterapia e portadores do vírus HIV, por exemplo.

Em São Paulo, o cronograma de vacinas funcionará da seguinte forma:

- A partir de hoje: profissionais da área da saúde

- Dia 11/4: gestantes, idosos e crianças entre 6 meses a 5 anos de idade

- Dia 18/4: mulheres que acabaram de ter bebês, pacientes com doenças crônicas, indígenas, funcionários dos sistema prisional e presos.

Esse roteiro será seguido pelos postos de saúde que distribuem e aplicam gratuitamente a vacina. Quem não quiser esperar até a data indicada para o seu grupo pode optar pelas clínicas particulares, que também estão realizando a vacinação. O custo nesses estabelecimentos varia entre R$ 110 e R$ 130.

Cabe ressaltar que, até agora, no restante do país, a campanha contra a gripe A deve começar no dia 30 de abril e vai até o dia 20 de maio, seguindo o calendário oficial do Ministério da Saúde.

Prevenção da gripe A

O contágio e a transmissão pela Influenza A (H1N1) ocorrem pelo ar ou por contato direto com secreções respiratórias de pessoas infectadas, presentes na tosse e no espirro. Por isso, além da vacinação, outras medidas preventivas também podem ser adotadas. Confira seis delas:

- Higienizar as mãos com frequência, principalmente antes de consumir algum alimento

- Utilizar lenço descartável para higiene nasal

- Cobrir nariz e boca quando espirrar ou tossir

- Evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca

- Não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas

- Manter os ambientes ventilados.

Os especialistas apontam que, embora grave, a gripe A não deve assustar pessoas fora do grupo de risco. Adultos saudáveis não são incentivados a tomar a vacina, até porque o ambiente dos postos de saúde pode facilitar o contágio, devido à concentração de pessoas doentes.

Tirou suas dúvidas sobre a gripe H1N1? Então aproveite para compartilhar o artigo nas redes sociais e divulgar as datas de vacinação! E não se esqueça de acompanhar outras dicas para a sua saúde aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
H1N1
gripe suína
Influenza A
vacinação

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ