Clínica Geral

24/04/2015 07:29 - Atualizado em 01/12/2016 10:38

Saiba identificar os diferentes tipos de meningite

Infecção que atinge as meninges é mais comum em crianças e idosos e deve ser tratada imediatamente.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Apesar de o nome ser conhecido, você sabe o que é e quais são os tipos de meningite? A doença é uma inflamação das meninges, as três membranas que envolvem o cérebro e a medula espinhal. Elas são responsáveis por proteger nosso sistema nervoso, que, por sua vez, cuida de todas as atividades do corpo.

O dia 24 de abril é o Dia Mundial de Combate à Meningite, uma iniciativa que visa a salvar vidas. É preciso ter consciência dos sintomas para haver o reconhecimento precoce da doença e o encaminhamento imediato ao tratamento.

tipos de meningite

Conheça os tipos de meningite

A médica pediatra Ana Paula Okubo Matsushita esclarece que os tipos de meningite podem ser causados por bactérias e vírus. “A meningite bacteriana é causada por bactérias como Meningococo, Pneumococo e Hemófilos, que variam conforme a faixa etária e a região geográfica. Já a meningite viral é causada por vírus como Enterovírus e Adenovírus”, enumera.

Além disso, a doença pode ser causada por fungos, apesar de ser o tipo mais incomum.

Meningite viral

No tipo de meningite causada por vírus, o quadro é mais leve. É mais comum em crianças e os sintomas são muito parecidos com gripes e resfriados. Febre, dor de cabeça, rigidez na nuca e irritação são alguns pontos que devem receber atenção.

Após comprovada a condição, é preciso aguardar que o caso se resolva sozinho, como acontece com outras viroses. “A meningite viral não tem um tratamento específico, sendo tratada apenas com medicamentos sintomáticos, como antitérmicos, analgésicos e, algumas vezes, hidratação endovenosa”, conta a Dra. Ana Paula.

A doença é contagiosa e ocorre por meio do contato direto com secreções de pessoas infectadas.

Meningite bacteriana

Dos tipos de meningite, a causada por bactérias é muito mais grave, podendo ser fatal caso não houver os cuidados necessários. Essas bactérias penetram o organismo pelas vias respiratórias e acabam infectando o cérebro.

Os sintomas chegam rapidamente: febre alta, vômitos, dores de cabeça e no pescoço e manchas vermelhas pelo corpo. “A meningite bacteriana é tratada com antibióticos específicos e medicamentos sintomáticos”, afirma a especialista. Lembre-se: esse tipo da doença também é altamente contagioso.

Meningite fúngica

É causado por fungos como o criptococos (Cryptococcus neoformans) ou a Candida (Candida albicans). Esse é o tipo mais raro da doença e causa meningite crônica. Apesar de imitar a meningite bacteriana aguda, essa forma não é contagiosa entre pessoas. O tratamento desse tipo de meningite é feito via fungicidas e medicamentos similares aos da meningite crônica.

Tratamento para a meningite

Crianças e idosos são os pacientes mais comuns da doença. Nos primeiros sinais, o atendimento médico deve ser procurado com urgência. “A meningite viral é mais comum em crianças entre um e cinco anos. Já a meningite bacteriana, em crianças de seis a 12 meses de idade e idosos”, aponta a médica pediatra.

A vacina contra o Haemophilus influezae tipo B - a bactéria Hemófilos - já faz parte do calendário de vacinação e deve ser feita aos dois, quatro e seis meses de vida, precisando de doses de reforço no futuro.

Além dela, a vacina para o Streptococcus pneumoniae - a Pneumococo, bactéria muito associada a pneumonia, otites e sinusites, mas que frequentemente é causa de meningite - também já possui vacina disponível.

Aprendeu a diferença? Comente aqui! E não esqueça que sempre tem novidade de saúde aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
meningite
inflamação
sintomas
tratamento

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ