Clínica Geral

25/08/2015 07:03 - Atualizado em 03/12/2016 11:54

Petéquias: Manchas vermelhas indicam alteração sanguínea

As petéquias podem sinalizar doenças que afetam a coagulação, como leucemia e anemia.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Pequenas lesões na pele em formato de pontinhos vermelhos podem indicar petéquias. Esse é o nome que se dá à manchas que surgem devido a alguma alteração nos vasos sanguíneos, causando uma pequena hemorragia que forma pontos de sangue coagulado sob a pele.

As manchas podem indicar alguma doença ou reação do organismo devido a alguma alteração. Por isso, é importante sempre procurar um médico e investigar a causa do surgimento das bolinhas de sangue.

Principais causas das petéquias

As petéquias são pequenos pontos que surgem sob a pele com o tamanho da cabeça de um alfinete, podendo ter coloração que varia do vermelho ao roxo. Podem aparecer de forma isolada ou agrupadas, às vezes formando uma área maior, a qual se chama de púrpura, ou, quando bem homogênea, de equimose.

medico investiga petequias na paciente

Essas erupções representam um pequeno extravasamento de sangue ocorrido em um vaso sanguíneo, formando uma coagulação sob a pele. Em pacientes que estejam se locomovendo, costumam surgir nos pés e nos tornozelos. Nos indivíduos acamados, podem surgir no dorso, em áreas de pressão contra a superfície de apoio.

As pequenas hemorragias sinalizam a presença de alguma anormalidade da fase primária da hemostasia, ou seja, aquela desempenhada pelas plaquetas, que reconhecem e iniciam todo o processo de coagulação onde há lesões da parede vascular. Portanto, petéquias podem ser consequência de alterações do número de plaquetas, de sua função ou de ambos.

Saiba Mais
Leucemia tem cura? Conheça as causas da doença
Teste de HIV é rápido e eficaz: Saiba como fazer
Sangue doado salva vidas: Faça parte dessa corrente

Em geral, qualquer doença que interfira na relação entre plaquetas e vasos pode causar esse tipo de sangramento. As principais causas são:

- Ferimento ou trauma

- Reação alérgica

- Doenças autoimunes

- Infecção viral ou doenças que afetem a coagulação sanguínea, como anemia perniciosa ou leucemia

- Doença hepática

- Hemorragia interna

- Doenças do sistema nervoso, como neurite

- Tratamentos médicos, como quimioterapia, radiação ou outras drogas para diluir o sangue

- Uso de alguns tipos de medicamentos, como anticoagulantes, ácido acetilsalicílico e esteroides

- Envelhecimento, pois existem as petéquias senis, causadas pela degeneração da pele com o avanço da idade.

Como tratar o problema

O primeiro passo ao identificar petéquias em qualquer região do corpo é consultar um médico. Geralmente é realizado um exame de sangue para diagnosticar a causa da coagulação sanguínea. Assim, o profissional irá avaliar a gravidade do caso e indicar o tratamento adequado.

A inibição da propagação das petéquias pode ser feita colocando-se uma compressa de água fria sobre a pele, pois o frio faz os vasos sanguíneos encolherem, limitando o sangramento. Evitar esforço físico também é indicado, pois isso ajuda a reduzir a pressão sobre os vasos sanguíneos.

Normalmente, o problema não é permanente e desaparece facilmente após o tratamento da causa que o originou. Quando não existe uma razão aparente para o surgimento das manchas, pode ser um sinal de mau funcionamento da coagulação do sangue, possivelmente das plaquetas, devendo ser feita uma investigação mais cuidadosa.

Você identificou petéquias no seu corpo? Já foi ao médico? Compartilhe suas dúvidas nos comentários! E aproveite para conferir mais dicas de saúde aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
coagulação
sangue
plaquetas
hemorragia

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ