Clínica Geral

29/06/2014 09:00 - Atualizado em 03/12/2016 05:47

Mal invisível: Entenda o que é a infecção viral

Doenças tão distintas quanto a gripe e a Aids são provocadas por infecção viral

POR

Redação

  • +A
  • -A

Recentemente, o músico Paul Mccartney foi obrigado a cancelar diversos shows devido a uma infecção viral. Mas você sabe o que esse termo significa na prática? Vamos descobrir.

O que é a infecção viral

Foto: Shutterstock

Foto: Shutterstock

Infecção viral é a invasão de vírus em um organismo. Quando isso acontece, o vírus, que é um micro-organismo muito menor do que fungos ou bactérias, necessita de uma célula viva para se reproduzir. Ou seja, o vírus adere a uma célula para, dentro dela, liberar sua cadeia de moléculas e, assim, formar novas partículas. O que acontece depois disso vai depender do tipo de vírus e de seu hospedeiro. Doenças tão distintas quanto a gripe e a Aids são provocadas por infecção viral.

Como acontece a infecção viral

O início da infecção viral acontece com a transmissão do vírus de um hospedeiro a outro. Ela pode ser horizontal, quando ocorre entre dois hospedeiros, e vertical, quando o vírus é transmitido a descendentes. A transmissão horizontal pode ocorrer de forma direta, quando de um hospedeiro infectado para um suscetível, ou indireta, por meio de objetos contaminados de um veículo, como água ou alimentos.

A transmissão vertical 

A transmissão vertical ocorre quando um vírus como a rubéola e o herpes é transmitido pela placenta, durante o parto, ou pelo leite materno -como acontece com a transmissão do HIV. A entrada do vírus no hospedeiro pode acontecer através de cinco portas num hospedeiro, sendo elas, a pele, os aparelhos respiratório, gastrointestinal, genitais-urinária ou conjuntiva.

Pele

Na pele o vírus penetra raramente já que a camada impermeável de células queratinizadas é de difícil ultrapassagem. Porém, a contaminação pode ocorrer após a picada de mosquitos, carrapatos ou de injeções com agulhas contaminadas, como ao fazer uma tatuagem.

Trato respiratório

A infecção viral pode ser inibida por inúmeros fatores como a produção de muco, de proteases, de citocinas e inclusive pela imunidade humoral e celular. A transmissão do vírus pode acontecer através de gotículas de saliva contaminadas e expelidas a uma alta velocidade. Seja quando pessoas espirram ou tossem perto de nós, ou pelo contato direto, como durante um beijo, pelas mãos ou objetos contaminados.

Trato gastrointestinal

O vírus tem como porta de entrada o tubo digestivo e é eliminado pelas fezes, podendo infectar novos hospedeiros pela via fecal, oral, de forma direta ou indireta, após a contaminação da água, leite ou de outros alimentos resultando numa infecção viral.

Trato genitourinário

Pode ser a porta de entrada de vírus, em homens e mulheres, principalmente durante o ato sexual. A infecção viral de transmissão sexual corresponde ao HIV, vírus do herpes simples, papilomavírus humanos, e também, os vírus das hepatites B e C. Alguns vírus como o papiloma produzem lesões locais e outros podem ser disseminados, como o HIV.

Conjuntiva

Corresponde a infecção viral que pode acontecer por meio de uma via de penetração de vírus produzindo infecções como as conjuntivites. Raramente eles se disseminam e produzem infecções sistêmicas.

Paul McCartney teve infecção viral

Em maio, o músico Paul McCartney foi obrigado a cancelar, de forma inédita, apresentações musicais durante uma turnê pela Ásia. Foi hospitalizado em Tóquio porque passou mal devido a uma infecção viral, de tipo e origem não divulgados. Ao todo, a enfermidade obrigou-o a cancelar cinco shows, conforme comunicado divulgado pela assessoria do ex-Beatle. Além da hospitalização, o britânico de 71 anos teve que repousar em casa.

Gostou do artigo ? Deixe seu comentário ou compartilhe sua experiência. 

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ