Clínica Geral

30/05/2014 09:00 - Atualizado em 06/12/2016 06:25

Gastrite e úlcera: doenças da contemporaneidade

Os sintomas variam entre dor na região alta do abdome e azia.

POR

Redação

  • +A
  • -A

O que é?

Gastrite é um processo inflamatório da mucosa do estômago, que fica inflamada, podendo apresentar sintomas semelhantes ao da úlcera. O diagnóstico deve ser feito por meio de exame endoscópico. O que caracteriza a diferença entre uma patologia e outra é que, no caso da úlcera, o paciente apresenta uma escavação na mucosa do estômago.

Sintomas

Os sintomas variam entre dor na região alta do abdome e azia (sensação de queimação) que pode muitas vezes irradiar para a região superior do esôfago, caracterizando uma doença de refluxo ou muitas vezes para o restante do abdome.  A sensação de boca amarga é bastante comum, dor intensa, surgimento de aftas e eructações – eliminação de gases pela cavidade oral - e um desconforto abdominal que geralmente acompanha os pacientes.

Diagnóstico

Antigamente eram feitos exames radiológicos, atualmente são utilizados os endoscópicos que têm a facilidade não só de visualizar e documentar a lesão, mas como permitir o estudo microscópico para determinar o grau de gravidade da doença. É possível identificar ou não a presença da bactéria Helicobacter Pylori – que caracteriza uma das causas da doença, seja gastrite ou úlcera.

Causas

As causas podem ser emocionais, alimentares ou estarem ligadas à presença de bactéria.

O estresse da vida cotidiana, trabalho e família, são fatores que podem desencadear o aparecimento da doença. E também os erros alimentares, que ocorrem na maioria das vezes, como o uso abusivo da cafeína – encontrada no café, chá preto, mate, achocolatados, em alguns isotônicos e refrigerantes.

Bebidas alcoólicas – o álcool é um agressor direto da mucosa do estômago e pode também levar a alterações ligadas ao fígado.

O fumo é outro fator determinante e que pode desencadear o refluxo.

Bebidas gaseificadas - que distendem o estômago e agridem a mucosa gástrica.

Frutas cítricas como: abacaxi, limão, caju, tangerina, morango, maracujá, acerola e laranja devem ser evitadas, assim como alimentos gordurosos, frituras e condimentados.

Outro fator pode ser a presença da bactéria H Pylori. Esta bactéria atinge cerca de 70% da população brasileira e pode levar ao câncer do estômago. A contaminação não é interpessoal e sim por meio de alimentos contaminados, principalmente os vegetais crus e pela água.

Para obter sucesso no tratamento deve-se erradicar a bactéria e submeter o paciente a uma dieta correta. Para realizar esta matéria, o Vivo Mais Saudável consultou o médico gastroenterologista Roberto Trindade.

Gostou da matéria? Então deixe um comentário! E não esqueça de acompanhar nosso debate sobre o tema no Facebook.     

TAGS
úlcera
sintomas
diagnóstico

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ