Clínica Geral

07/05/2015 02:02 - Atualizado em 04/12/2016 03:50

Dor nos ossos indica doenças graves: Saiba reconhecer os sintomas

As dores podem ser sinal de leucemia, de osteoporose ou de inflação nos ossos.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Você já se sentiu indisposto ou com dificuldade de locomover alguma parte do corpo pois sente dor? É comum a dor nos ossos ser confundida com dor nas articulações, o que torna um pouco mais difícil de descobrir a sua causa.

A dor nos ossos é caracterizada por se manter mesmo quando você está parado, por exemplo. Geralmente, a dor em si não é um sintoma grave. Porém, quando dura mais que uma semana, é a hora de procurar o médico para diagnosticar o motivo e iniciar o tratamento adequado. Saiba quais são as causas e tratamentos possíveis para o problema.

dor nos ossos

Causas de dor nos ossos

Inflamação: conhecida como osteomielite, pode ser acompanhada de dor em qualquer osso do corpo, febre acima de 38ºC, inchaço e vermelhidão no local afetado. Nesses casos, é recomendado ir ao pronto-socorro para iniciar o tratamento adequado o mais rápido possível, o que evita complicações como artrite séptica ou até mesmo amputação.

Lesão ou trauma: geralmente surge após um acidente, como queda, pancada ou acidente de trânsito, por exemplo, e piora quando é aplicado peso sobre o osso afetado. É preciso manter repouso e tomar analgésicos para reduzir a dor. Caso ela se mantenha por mais de três dias, ou o osso esteja fraturado, é recomendado procurar auxílio médico.

Leucemia: na maioria dos casos de leucemia, os primeiros sintomas incluem dor nas pernas e cansaço excessivo, o que causa também dor nos ossos. É importante sempre investigar a origem das dores para diagnóstico correto.

Osteoporose: a doença causa principalmente dor nos ossos dos braços e das pernas, devido à falta de cálcio e de vitamina D no organismo. Quando há suspeita, é recomendado um exame de densitometria óssea para confirmar o diagnóstico. Indica-se consumir alimentos ricos nesses nutrientes, como ovos, iogurte e queijo.

Câncer nos ossos: a dor nos ossos devido a metástases é acompanhada de emagrecimento rápido e de cansaço excessivo. Aparece em pacientes com câncer em outros locais do corpo - mama, pulmão, rim, próstata e tireoide, por exemplo.

Gripe: quando a gripe provoca surgimento de secreções nas vias nasais, isso pode ocasionar e sensação de peso ou osso dolorido no rosto. É aconselhado fazer inalações com soro fisiológico de duas a três vezes por dia e beber, pelo menos, dois litros de água diários para ajudar a liberar as secreções.

A dos nos ossos também pode ser causada por excesso de atividades físicas e fraturas.

E agora? A quem recorrer?

É recomendado procurar ajuda médica quando a dor nos ossos persistir ou piorar ao longo do tempo, além de estar acompanhada por outros sintomas como perda de peso, diminuição do apetite ou cansaço excessivo.

Quando a dor surgir após pancadas graves, como acidentes de trânsito, o médico pode fazer exames de sangue, raio-X ou tomografia para diagnosticar o problema e indicar o tratamento mais adequado.

Especialistas que podem diagnosticar dor nos ossos:

- Clínico geral

- Ortopedista

- Reumatologista

- Oncologista

- Fisioterapeuta.

Como tratar a dor nos ossos

O tratamento depende da causa, mas normalmente pode ser feito apenas com descanso, alongamentos e a colocação de compressas de gelo sobre a região que está doendo. Em outros casos, como infecção ou inflamação, pode ser necessário utilizar remédios antibióticos ou anti-inflamatórios.

Nos casos mais graves, como fraturas, leucemia ou câncer, o médico pode indicar outros tratamento, como cirurgia para reparação da fratura ou quimioterapia para combater o câncer.

Gostou das dicas de saúde? Então deixe um comentário! E não esqueça que você sempre encontra novidades aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
inflamação
câncer
osteoporose
dores

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ