Clínica Geral

10/06/2014 09:00 - Atualizado em 29/10/2016 08:08

Dengue: Sintomas, diagnóstico e precauções

Com o período chuvoso, evite água parada para o mosquito Aedes aegypti não aparecer.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Dengue

Palavra de origem espanhola, Dengue significa manha e é uma referência ao estado de fraqueza e moleza que ficam as pessoas contaminadas pelo mosquito Aedes aegypti.

São quatro os tipos de vírus transmitidos pela picada da fêmea do mosquito que se multiplica em depósitos de água parada acumulada em áreas externas e dentro das casas.

A Dengue Hemorrágica é uma forma grave da doença. No começo, ela apresenta os mesmos sintomas da Dengue Clássica mas, após o terceiro dia, é comum algum tipo de sangramento: no nariz, na gengiva, entre outros. Este tipo de dengue pode levar a pessoa à morte. Entenda mais abaixo sobre os sinais que a doença dá.

Sintomas da Dengue
Dor de cabeça
Febre alta (39ºC a 40ºC)
Dores musculares
Dores nas juntas
Dor no fundo dos olhos
Fadiga
Vômito
Manchas vermelhas na pele
Coceira

No caso da Dengue Hemorrágica, além dos sintomas citados acima, a partir do terceiro dia, quando a febre começa a baixar, surgem:

- Sangramento nasal, gengival, vaginal e rompimento dos vasos superficiais da pele;

- Em alguns casos também podem ocorrer sangramentos no aparelho digestivo e nas vias urinárias.

Diagnóstico
O diagnóstico da Dengue é obtido através de exames de sangue em laboratório.

Tratamento
Não há um tratamento específico para a Dengue, apenas o uso de medicamentos com dipirona ou paracetamol que aliviam os sintomas. Aconselha-se ingerir bastante líquido (água, sucos, chás, soros caseiros, entre outros) e fazer repouso.

Evite medicamentos à base de ácido acetilsalicílico e antiinflamatórios (aspirina e AAS) que podem acarretar sangramentos.

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ