Clínica Geral

10/09/2014 07:32 - Atualizado em 07/12/2016 06:46

Astigmatismo: Conheça as causas, sintomas e como tratar o problema de visão

Imagem distorcida é a principal característica do astigmatismo.

POR

Redação

  • +A
  • -A

O astigmatismo é uma doença ocular relativamente comum, que resulta na formação de uma imagem distorcida, com vários pontos focais diferentes. Por esse motivo, não há nitidez na visão, independentemente da distância: os objetos, tanto próximos como distantes do observador, terão aparência embaçada.

Deformação na córnea do olho é causadora do problema

Uma córnea comum tem formato simetricamente redondo, como uma bola de basquete. Assim, toda a luz recebida pelo olho será refratada igualmente, gerando uma imagem perfeitamente focada na parte de trás do globo ocular.

astigmatismo

O astigmatismo é causado por uma córnea cujo formato não é redondo, mas oval, assemelhando-se a uma bola de futebol americano. Nessa condição, os raios de luz absorvidos pelo olho são refratados de forma diferente, com pontos focais distintos. Essa disfunção é responsável por transmitir ao cérebro uma imagem borrada, distorcida e sem nitidez, característica da doença.

Causa do astigmatismo é hereditária

Por ser transmitido geneticamente, a disfunção normalmente pode ser percebida já no nascimento. Em boa parte dos casos, a doença também está associada a outros problemas oculares relacionados à refração da luz, como a miopia e a hipermetropia.

A miopia ocorre quando o olho é mais longo do que o normal. Nesse caso, a luz é focalizada em frente à retina, resultando em uma imagem embaçada para objetos distantes. A hipermetropia, por outro lado, está relacionada a um olho mais curto do que o comum. Assim, o resultado é oposto ao da miopia: a luz absorvida é focalizada na parte de trás da retina, fazendo com que objetos próximos ao observador não sejam nítidos.

Quando não é hereditário, o astigmatismo se desenvolve após uma lesão ocular, uma doença ou uma cirurgia. Ao contrário do que muitas pessoas acreditam, a disfunção não é causada ou agravada pela leitura com pouca luz, por sentar muito perto da televisão ou pelo estrabismo.

astigmatismo

Visão borrada é o principal sintoma

A visão embaçada e sem foco - tanto para objetos próximos como para os distantes do observador - é o sintoma mais característico do astigmatismo. Se não houver tratamento, outras complicações podem surgir.

Nesse caso, é possível destacar, entre outros sintomas: incapacidade de ler letras pequenas, dificuldade de leitura, visão dupla, não conseguir ver de perto e nem de longe sem forçar os olhos, fotofobia (sensibilidade à luz) e piora da acuidade visual durante a noite.

Tratamento do astigmatismo costuma ser simples

A exemplo de outras doenças oculares, o objetivo do tratamento do astigmatismo é melhorar a visão da pessoa afetada ou operar cirurgicamente a córnea cujo formato não é simetricamente redondo. Para isso, o paciente pode optar pelo uso de óculos, lentes de contato ou, no caso da operação, pela cirurgia refrativa.

No caso específico dos óculos ou das lentes, a intervenção busca contrariar a curvatura desigual da córnea, corrigindo o foco dos raios de luz absorvidos pelo olho. Em caso de operação, a cirurgia refrativa irá remodelar a córnea do olho, tornando-a simétrica e permitindo a refração perfeita da luz.

Gostou das nossas dicas sobre astigmatismo? Então deixe um comentário e acompanhe nossa página no Facebook para ficar ligado em todas as novidades do Vivo Mais Saudável.

TAGS
visão
saúde
olhos

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ