10/07/2014 10:02 - Atualizado em 22/07/2014 19:05

sSífilis

POR

A.D.A.M.

  • +A
  • -A

O que é?

A sífilis é a infecção transmitida pela bactéria Treponema pallidum.

Causas

A sífilis é uma doença infecciosa sexualmente transmissível. A bactéria que a causa se espalha pela pele rachada ou por membranas mucosas.

Gestantes podem transmitir essa infecção para o(s) feto(s). Essa doença é denominada sífilis congênita.

A sífilis é disseminada em todo Estados Unidos. Atinge principalmente adultos sexualmente ativos com 20 a 29 anos de idade.

A sífilis possui diversos estágios

  • A sífilis primária é o primeiro estágio. Cerca de 2 a 3 semanas após ser infectado, formam-se feridas indolores (cancros) no local da infecção. Não é possível observar as feridas ou qualquer sintoma, principalmente se as feridas estiverem situadas no reto ou no cólo do útero. As feridas desaparecem em cerca de 4 a 6 semanas depois, mesmo sem tratamento. A bactéria torna-se dormente (inativa) no organismo nesse estágio. Para obter informações mais específicas sobre esse tipo de sífilis, consulte sífilis primária.
  • A sífilis secundária acontece cerca de 2 a 8 semanas após as primeiras feridas se formarem. Aproximadamente 33% daqueles que não trataram a sífilis primária desenvolvem o segundo estágio. Esses sintomas geralmente somem sem tratamento e, mais uma vez, a bactéria fica inativa no organismo. Para obter informações mais específicas sobre esse tipo de sífilis, consulte sífilis secundária.
  • A sífilis terciária é o estágio final da sífilis. A infecção se espalha para o cérebro, o sistema nervoso, o coração, a pele e os ossos. A bactéria dormente pode ser detectada tanto por meio da observação do dano causado em uma parte do corpo, quanto por meio de exame de sangue para sífilis. Para obter informações mais específicas sobre esse tipo da doença, consulte sífilis terciária.

Exames

Exames de sangue podem detectar substâncias produzidas pela bactéria responsável pela sífilis. O teste mais antigo é o teste de VDRL. Outros exames de sangue podem incluir RPR e FTA-ABS.

Tratamento

Antibióticos consistem em um tratamento eficaz para combater a sífilis. A opção de antibiótico recai sobre a penicilina. A dosagem e a aplicação (em um músculo ou em uma veia) dependem do estágio da doença. Também pode-se utilizar doxiciclina como um tratamento alternativo em indivíduos que são alérgicos à penicilina.

Várias horas após o tratamento dos estágios iniciais da sífilis, é possível haver uma reação denominada reação de Jarisch-Herxheimer. Os sintomas dessa reação consistem em:

  • Calafrios
  • Febre
  • Sensação de estar doente
  • Dores articulares
  • Dores musculares
  • Dor de cabeça
  • Náusea
  • Exantema

Esses sintomas geralmente desaparecem após 24 horas.

É necessário a realização de exames de sangue de acompanhamento após 3, 6, 12 e 24 meses para garantir que não há mais infecção. A atividade sexual deve ser evitada até que o segundo exame mostre que a infecção foi curada. A sífilis é extremamente contagiosa por meio do contato sexual nos estágios primário e secundário.

A sífilis é uma infecção que deve ser reportada. Isso quer dizer que os médicos devem reportar todos os casos de sífilis para as autoridades públicas, para que parceiros sexuais possivelmente infectados possam ser identificados e tratados.

Prevenção

Se você é sexualmente ativo, pratique sexo seguro e sempre use preservativos.

Todas as gestantes, pessoas com HIV e pessoas com risco elevado para sífilis devem realizar exames para confirmar essa infecção.

Buscando ajuda médica

Informe seu médico caso apresente sintomas ou sinais da sífilis. Diversas doenças podem ter sintomas similares, então precisará realizar um exame médico completo.

Também procure seu médico caso tenha tido contato sexual com algum portador de sífilis.

Fontes e referências:

Hook EW III. Syphilis. In: Goldman L, Ausiello D, eds. Cecil Medicine. 23rd ed. Philadelphia, Pa: Saunders Elsevier. 2007: chap 340.

U.S. Preventive Services Task Force. Screening for Syphilis Infection: Recommendation Statement. Ann Fam Med 2004; 2: 362-365.

ADAM, Inc. é credenciada pelo URAC, também conhecida como American Accreditation HealthCare Commission (www.urac.org). URAC é uma auditoria independente para verificar se ADAM segue padrões rigorosos de qualidade e responsabilidade. A.D.A.M. é um dos primeiros a conseguir essa importante distinção para informações e serviços de saúde on-line. Saiba mais sobre a política editorial da ADAM, o processo editorial e a política de privacidade. A.D.A.M. também é um membro fundador da Hi-Ethics e subscreve os princípios de Saúde na Net Foundation (www.hon.ch).

As informações contidas neste documento não devem ser usados ​​durante qualquer emergência médica ou para o diagnóstico ou tratamento de qualquer condição médica. Um profissional licenciado médico deve ser consultado para diagnóstico e tratamento de todo e qualquer problema médico. Links para outros sites são fornecidos apenas para informação - não constituem endosso desses outros sites. © 1997 - 2013 ADAM, Inc. A reprodução ou distribuição das informações aqui contidas é estritamente proibida.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ