10/07/2014 10:02 - Atualizado em 22/07/2014 19:05

iInsuficiência renal aguda

POR

A.D.A.M.

  • +A
  • -A

O que é?

A insuficiência renal aguda é a perda repentina da capacidade dos rins de retirar resíduos e auxiliar no equilíbrio dos fluídos e eletrólitos do seu corpo. Neste caso, repentina significa menos de 2 dias.

Causas

Existem muitas causas possíveis para danos nos rins. Eles incluem:

  • Necrose tubular aguda (NTA)
  • Doença renal autoimune
  • Coágulo no sangue a partir do colesterol (embolia de colesterol)
  • Fluxo sanguíneo diminuído devido a pressão arterial muito baixa, que pode ser o resultado de:
    • Queimaduras
    • Desidratação
    • Hemorragia
    • Lesão
    • Choque séptico
    • Doença grave
    • Cirurgia
  • Distúrbios que causam coágulos nos vasos sanguíneos dos rins:
  • Infecções que lesam os rins diretamente como:
    • Pielonefrite aguda
    • Septicemia
  • Complicações da gravidez, incluindo:
    • Descolamento de placenta
    • Placenta prévia
  • Obstrução do trato urinário

Exames

O médico ou enfermeiro te examinará. Muitos pacientes têm edema generalizado causado pela retenção de líquidos. O médico pode ouvir um sopro cardíaco, crepitações nos pulmões ou sinais de inflamação do revestimento do coração ao auscultar o coração e os pulmões com um estetoscópio.

Os resultados de laboratório podem mudar rapidamente (em questão de poucos dias a 2 semanas). Esses exames podem incluir:

  • BUN (nitrogênio ureico no sangue)
  • Depuração de creatinina
  • Creatinina sérica
  • Potássio sérico
  • Urinálise

O ultrassom renal ou abdominal é o melhor exame para diagnosticar a insuficiência renal, mas a radiografia abdominal, a tomografia computadorizada abdominal e a ressonância magnética abdominal podem mostrar se há um bloqueio no trato urinário.

Os exames de sangue também podem ajudar a revelar a causa subjacente da insuficiência renal. A gasometria arterial e o perfil metabólico podem mostrar acidose metabólica.

Tratamento

Uma vez encontrada a causa, o objetivo do tratamento é ajudar os seus rins a trabalharem novamente e impedir o acúmulo de líquido e resíduos no organismo enquanto os rins se curam. Geralmente é necessário passar a noite no hospital para o tratamento.

A quantidade de líquido que você come (p. ex., em uma sopa) ou bebe será limitada à quantidade de urina que você pode produzir. Você receberá instruções sobre o que comer ou não para reduzir o acúmulo de toxinas normalmente processadas pelos rins. Talvez sua dieta tenha que ser alta em carboidratos e baixa em proteína, sal e potássio.

Você pode precisar de antibióticos para tratar ou prevenir a infecção. Podem ser usados diuréticos para ajudar os rins a perder líquido.

Os medicamentos serão administrados por via venosa para ajudar a controlar os níveis de potássio no sangue.

A diálise pode ser necessária em alguns pacientes e pode ajudá-los a se sentirem melhor. Ela pode salvar vidas se os níveis de potássio estiverem perigosamente altos. A diálise também será usada se:

  • Houver alteração no estado mental, se o paciente parar de urinar
  • Se o paciente desenvolver pericardite
  • Se o paciente retiver líquido em excesso
  • Se o paciente não puder eliminar resíduos nitrogenados de seu organismo.

Na maioria dos casos, a diálise durará por pouco tempo. Raramente o dano renal é tão grande de forma que a diálise seja necessária de forma permanente.

Prevenção

O tratamento de doenças como hipertensão pode ajudar a prevenir a insuficiência renal aguda.

Buscando ajuda médica

Entre em contato com seu médico se a micção diminuir ou cessar, ou se tiver outros sintomas de insuficiência renal aguda.

Fontes e referências:

Molitoris BA. Acute kidney injury. In: Goldman L, Schafer AI, eds. Cecil Medicine. 24th ed. Philadelphia, PA: Saunders Elsevier; 2011:chap 122.

Sharfuddin AA, Weisbord SD, Palevsky PM, Molitoris BA. Acute kidney injury. In: Taal MW, Chertow GM, et al, eds. Brenner & Rector's The Kidney. 9th ed. Philadelphia, PA: SaundersElsevier; 2011:chap 30.

ADAM, Inc. é credenciada pelo URAC, também conhecida como American Accreditation HealthCare Commission (www.urac.org). URAC é uma auditoria independente para verificar se ADAM segue padrões rigorosos de qualidade e responsabilidade. A.D.A.M. é um dos primeiros a conseguir essa importante distinção para informações e serviços de saúde on-line. Saiba mais sobre a política editorial da ADAM, o processo editorial e a política de privacidade. A.D.A.M. também é um membro fundador da Hi-Ethics e subscreve os princípios de Saúde na Net Foundation (www.hon.ch).

As informações contidas neste documento não devem ser usados ​​durante qualquer emergência médica ou para o diagnóstico ou tratamento de qualquer condição médica. Um profissional licenciado médico deve ser consultado para diagnóstico e tratamento de todo e qualquer problema médico. Links para outros sites são fornecidos apenas para informação - não constituem endosso desses outros sites. © 1997 - 2013 ADAM, Inc. A reprodução ou distribuição das informações aqui contidas é estritamente proibida.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ