10/07/2014 10:02 - Atualizado em 22/07/2014 19:05

dDifteria

POR

A.D.A.M.

  • +A
  • -A

O que é?

Difteria é uma doença infecciosa aguda causada pela bactéria Corynebacterium diphtheriae.

Causas

A difteria é transmitida por meio de gotículas respiratórias (como aquelas produzidas pela tosse ou espirro) de um indivíduo infectado ou alguém portador da bactéria, mas que não apresenta sintomas. A difteria também pode ser transmitida por objetos ou alimentos contaminados (como leite contaminado).

A bactéria normalmente infecta o nariz e a garganta. A infecção da garganta ocasiona uma cobertura preta, dura e fibrosa que pode bloquear as vias aéreas. Em alguns casos, a difteria pode infectar primeiro a pele, produzindo lesões cutâneas.

Uma vez infectada, substâncias perigosas chamadas toxinas, produzidas pelas bactérias, podem se espalhar por toda a circulação sanguínea chegando a outros órgãos, como o coração, e causar danos significativos.

Devido à ampla imunização DPT de rotina em crianças ,a difteria agora é rara em muitas partes do mundo. Há menos de cinco casos de difteria registrados por ano nos Estados Unidos.

Os fatores de risco incluem ambientes lotados, má higiene e falta de imunização.

Exames

O médico realizará um exame físico e olhará dentro da sua boca. Isso poderá revelar um cobertura acinzentada ou preta (pseudomembrana) na garganta, glândulos linfáticos aumentados e inchaço no pescoço ou laringe.

Os exames realizados podem incluir:

  • Coloração de Gram ou cultura da garganta para identificar Corynebacterium diphtheriae
  • Eletrocardiograma (ECG)

Tratamento

Se o médico achar que você está com difteria, o tratamento deve ser iniciado imediatamente, mesmo antes que os resultados dos exames sejam disponibilizados.

A antitoxina diftérica é administrada na forma de injeção muscular ou IV (intravenosa ). A infecção é então tratada com antibióticos, como penicilina e eritromicina.

Indivíduos com difteria podem precisar ficar no hospital enquanto a antitoxina está sendo administrada. Outros tratamentos podem incluir:

  • Fluídos por IV
  • Administração de oxigênio
  • Repouso
  • Monitoramento cardíaco
  • Inserção de um tubo de respiração
  • Correção de bloqueios nas vias aéreas

Qualquer pessoa que tenha entrado em contato com a pessoa infectada deve receber imunização ou injeções de reforço contra difteria. A imunidade protetora dura apenas 10 anos a partir da vacinação, então é importante que os adultos façam um reforço da vacina tétano-difteria (Td) a cada 10 anos.

Indivíduos assintomáticos que são portadores da difteria, devem ser tratados com antibióticos.

Encontre um Especialista e agende uma consulta. Profissionais de saúde indicados por pacientes como você! Clique aqui e confira.

Prevenção

Imunizações de rotina em crianças e reforços em adultos previnem a doença. Ver: Imunização contra difteria (vacina)

Buscando ajuda médica

Converse com seu médico se tiver contato com uma pessoa infectada.

Lembre-se de que a difteria é uma doença rara. A difteria também é uma doença reportável, e quaisquer casos são publicados nos jornais ou na televisão. Isso ajuda a saber se a difteria está presente na sua área.

Fontes e referências:

MacGregor RR. . In: Mandell GL, Bennett JE, Dolan R, eds. . 7th ed. Orlando, FL: Saunders Elsevier; 2009:chap 205. Corynebacterium diphtheriae Mandell, Douglas, and Bennett''s Principles and Practice of Infectious Diseases

ADAM, Inc. é credenciada pelo URAC, também conhecida como American Accreditation HealthCare Commission (www.urac.org). URAC é uma auditoria independente para verificar se ADAM segue padrões rigorosos de qualidade e responsabilidade. A.D.A.M. é um dos primeiros a conseguir essa importante distinção para informações e serviços de saúde on-line. Saiba mais sobre a política editorial da ADAM, o processo editorial e a política de privacidade. A.D.A.M. também é um membro fundador da Hi-Ethics e subscreve os princípios de Saúde na Net Foundation (www.hon.ch).

As informações contidas neste documento não devem ser usados ​​durante qualquer emergência médica ou para o diagnóstico ou tratamento de qualquer condição médica. Um profissional licenciado médico deve ser consultado para diagnóstico e tratamento de todo e qualquer problema médico. Links para outros sites são fornecidos apenas para informação - não constituem endosso desses outros sites. © 1997 - 2013 ADAM, Inc. A reprodução ou distribuição das informações aqui contidas é estritamente proibida.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ