{ang{ nome }ang}

10/07/2014 10:02 - Atualizado em 22/07/2014 19:05

Microcefalia


POR

A.D.A.M.

  • +A
  • -A

Definição

A microcefalia é uma doença na qual a cabeça de uma pessoa é significativamente menor que o normal para sua idade e sexo, baseado em tabelas padronizadas. O tamanho da cabeça é medido como a distância ao redor do topo da cabeça.

Considerações

A microcefalia na maioria das vezes ocorre porque o cérebro não cresce em velocidade normal. O crescimento do crânio é determinado pelo crescimento do cérebro. O crescimento do cérebro ocorre enquanto o bebê está no útero e durante a infância.

Doenças que afetam o crescimento do cérebro podem causar a microcefalia. Essas doenças podem incluir infecções, doenças genéticas e desnutrição grave.

Causas Comuns

Estas doenças causam microcefalia:

  • Síndrome de Cornelia de Lange
  • Síndrome de Cri du chat
  • Síndrome de Down
  • Síndrome de Rubinstein-Taybi
  • Síndrome de Seckel
  • Síndrome de Smith-Lemli-Opitz
  • Trissomia 13
  • Trissomia 18

Estas doenças podem causar microcefalia indiretamente:

  • Fenilcetonuria não controlada (PKU) da mãe
  • Envenenamento por metilmercúrio
  • Rubéola congênita
  • Toxoplasmose congênita
  • Citomegalovírus congênito (CMV)
  • Uso de certas drogas durante a gestação, especialmente álcool e fenitoína
  • Desnutrição

Cuidados Domésticos

Não há procedimentos de cuidados caseiros específicos para microcefalia. O cuidado depende da doença que provocou a microcefalia.

Consulte seu médico se

A microcefalia muitas vezes é diagnosticada no nascimento ou durante os exames de rotina do bebê, quando a altura, pese e circunferência da cabeça do bebê são medidos. Se você suspeitar de que o tamanho da cabeça do seu bebê é muito pequeno ou não está crescendo normalmente, consulte o médico.

O que esperar no consultório do seu médico

A microcefalia é geralmente descoberta pelo médico durante o exame de rotina. Medir a cabeça faz parte de todos os exames do bebê até os 18 meses (mais tempo em determinadas circunstâncias). As medições são indolores e levam apenas alguns segundos quando a fita métrica é colocada ao redor da cabeça do bebê.

Documentar a microcefalia em detalhes pode incluir:

  • Qual a circunferência da cabeça?
  • A cabeça está crescendo mais lentamente do que o corpo?
  • Quais outros sintomas estão presentes?

Observação: Um registro da circunferência da cabeça deve ser mantido ao longo do tempo.

Embora o médico guarde arquivos relativos ao seu filho, pode ser útil manter seus próprios registros e levá-los para consideração pelo médico caso note que o padrão de crescimento da cabeça do bebê parece estar diminuindo.

Se seu médico diagnosticar que seu filho tem microcefalia, você deve anotar isso nos registros médicos pessoais do seu filho.

Crânio de recém-nascidoMicrocefaliaUltrassom de feto normal - ventrículos do cérebro

Referências

Kinsman SL, Johnston MV. Congenital anomalies of the central nervous system. Em: Kliegman RM, Behrman RE, Jenson HB, Stanton BF, eds. Nelson Textbook of Pediatrics. 18ª ed. Philadelphia, Pa: Saunders Elsevier; 2007: cap. 592.

comentários

{ang{ nome }ang}