{ang{ nome }ang}

10/07/2014 10:02 - Atualizado em 22/07/2014 19:05

Efusão pleural


POR

A.D.A.M.

  • +A
  • -A

Definição

Uma efusão pleural é o acúmulo de líquido entre as camadas de tecido que revestem os pulmões e a cavidade torácica.

Nomes Alternativos

Líquido no tórax; Líquido no pulmão; Líquido Pleural

Causas, incidência e fatores de risco

Seu corpo produz líquido pleural em pequenas quantidades para lubrificar a superfície da pleura, o tecido fino que reveste a cavidade torácica e envolve os pulmões. Uma efusão pleural é um acúmulo anormal e excessivo desse líquido.

Há dois tipos diferentes:

  • Efusões pleurais por transudatos são causadas pelo líquido que entra no espaço pleural. Isso é provocado pelo aumento da pressão nos vasos sanguíneos ou baixa contagem de proteína no sangue. Insuficiência cardíaca congestiva é a causa mais comum.
  • Efusões de exsudatos são causadas por vasos sanguíneos ou vasos linfáticos obstruídos, inflamação, lesão pulmonar e tumores.

Sintomas

Às vezes não há sintomas.

Sinais e exames

Seu médico ou enfermeiro o examinará e ouvirá seus pulmões com um estetoscópio.

Os seguintes exames podem ajudar a confirmar o diagnóstico:

  • Tomografia computadorizada do tórax
  • Raio X do tórax
  • Exames de sangue para verificar a função renal e hepática
  • Análise de líquido pleural (examinando o líquido em um microscópio para procurar bactérias, quantidade de proteína e presença de células de câncer)
  • Toracocentese (uma amostra de líquido é retirada com uma agulha introduzida entre as costelas)
  • Ultrassom do tórax e coração

Tratamento

O objetivo do tratamento é:

  • Retirar o líquido
  • Evitar que o líquido acumule novamente
  • Determinar e tratar a causa do acúmulo de líquido

Pode ser feita retirada do líquido (toracocentese) se houver muito líquido e este estiver causando pressão no peito, falta de ar ou outros problemas respiratórios, tais como baixos níveis de oxigênio. Retirar o líquido permite que o pulmão expanda, facilitando a respiração.

A causa do acúmulo de líquido deve ser tratada também.

Se isso for causado por insuficiência cardíaca congestiva, você pode tomar diurético (líquidos aquosos) e outros medicamentos para tratar insuficiência cardíaca.

Efusões pleurais causadas por infecção são tratadas com antibióticos.

Em pessoas com câncer ou infecções, a efusão muitas vezes é tratada usando uma sonda torácica por vários dias para drenar o líquido.

Às vezes, pequenos tubos podem ser deixados na cavidade pleural por um longo tempo para drenar o líquido. Em alguns casos, pode ser feito o seguinte:

  • Quimioterapia
  • Colocar medicação no tórax para impedir novamente o acúmulo de líquido após ser drenado
  • Radioterapia
  • Cirurgia

Grupos de Apoio

Expectativas (prognósticos)

O desfecho esperado depende da doença subjacente.

Complicações

As complicações podem incluir:
  • Dano pulmonar
  • Infecção que se transforma em abscesso, chamado de empiema, que precisa ser drenado com uma sonda torácica
  • Pneumotórax (ar na cavidade torácica) após toracocentese

Consulte seu médico

Consulte o seu médico se tiver sintomas de efusão pleural.

Ligue para seu médico ou vá ao pronto-socorro caso tenha falta de ar ou dificuldade respiratória imediatamente após a toracocentese.

Prevenção

PulmõesSistema respiratórioCavidade pleural

Referências

Broaddus C, Light RW. Pleural effusion. In: Mason RJ, Broaddus CV, Martin TR, et al, eds. Textbook of Respiratory Medicine. 5th ed. Philadelphia, Pa: Saunders Elsevier;2010:chap 73.

Celli BR. Diseases of the diaphragm, chest wall, pleura, and mediastinum. In: Goldman L, Schafer AI, eds. Cecil Medicine. 24th ed. Philadelphia, Pa: Saunders Elsevier; 2011:chap 99.

comentários

{ang{ nome }ang}