{ang{ nome }ang}

10/07/2014 10:02 - Atualizado em 22/07/2014 19:05

Concussão


POR

A.D.A.M.

  • +A
  • -A

Definição

A concussão é uma lesão cerebral traumática moderada que pode ocorrer quando a cabeça atinge um objeto ou um objeto em movimento atinge a cabeça.

Pode afetar o funcionamento do cérebro por um tempo. Uma concussão pode causar uma forte dor de cabeça, alterações na condição de alerta ou perda de consciência.

Causas, incidência e fatores de risco

Uma concussão pode resultar de uma queda, atividades esportivas ou acidentes com automóveis. Um grande movimento do cérebro (sacudir) em qualquer direção podem levar a pessoa à perder a condição de alerta (tornar-se inconsciente). Quanto tempo a pessoa permanece inconsciente pode ser um sinal da gravidade da concussão.

Concussões nem sempre resultam em perda da consciência. A maioria das pessoas que sofre uma concussão não desmaiam. Entretanto, podem descrever visão apenas em branco ou preto ou visão de estrelas. A pessoa pode também ter sofrido uma concussão e não perceber.

Sintomas

Os sintomas de uma concussão variam de leves a graves. Podem incluir:

  • Atitude confusa, sensação aérea ou dificuldade de raciocínio
  • Sonolência, dificuldade para acordar ou alterações semelhantes
  • Dor de cabeça
  • Perda de consciência
  • Perda de memória (amnésia) de eventos anteriores ou logo após a lesão
  • Náusea e Vômitos
  • Visão de luzes piscantes
  • Sensação de "perda de tempo"

Os seguintes são sintomas emergenciais de uma concussão. Procure atendimento médico imediatamente se houver:

  • Alterações na condição de alerta e consciência
  • Confusão que não passa
  • Convulsões (espamos)
  • Fraqueza muscular em um ou nos dois lados
  • Confusão persistente
  • Pupilas em tamanhos diferentes
  • Inconsciência permanente (coma)
  • Vômitos sucessivos
  • Pupilas desiguais
  • Movimentos oculares não usuais
  • Problemas de equilíbrio ou para caminhar
  • Inconsciência (coma) que permanece

As lesões na cabeça que causaram a concussão frequentemente ocorrem com lesões ao pescoço e a espinha. Tome cuidado especial ao mover pessoas que tiveram uma lesão na cabeça.

Enquanto se recupera de uma concussão, a pessoa pode:

  • Ficar introvertida, facilmente aborrecida ou confusa
  • Ter dificuldade com tarefas que necessitem de memorização ou concentração
  • Ter moderadas dores de cabeça
  • Ser menos tolerantes com barulhos
  • Ficar muito cansada

Sinais e exames

O médico realizará um exame físico. O sistema nervoso da pessoa será verificado. Podem haver alterações no tamanho das pupilas, capacidade de pensamento, coordenação e reflexos da pessoa.

Os exames que podem ser solicitados incluem:

  • EEG (exame da atividade cerebral) pode ser necessário se as convulsões continuam
  • Tomografia computadorizada da cabeça
  • Ressonância magnética do cérebro

Tratamento

Uma lesão mais grave da cabeça que envolve sangramento ou danos ao cérebro precisa ser tratada em um hospital.

Para lesões mais leves da cabeça, pode não ser necessário um tratamento. Mas esteja alerta para os sintomas de lesões na cabeça apresentados tardiamente.

  • Amigos e familiares podem precisar ficar de olho em adultos com sintomas após a liberação do pronto socorro ou consultório médico.
  • Parentes e cuidadores de crianças precisam ficar de olho em crianças para o surgimento de sintomas após a lesão.
  • Tanto adultos como crianças precisam seguir as orientações médicas sobre quando podem voltar a praticar esportes.

Após uma concussão moderada:

  • Não exerça atividades que podem causar maiores lesões na cabeça.
  • Evite tarefas que exijam concentração ou raciocínios complicados. Estas incluem leitura, lições de casa e elaboração de relatórios.
  • Evite luzes fortes e sons altos. Estes podem superestimular o cérebro.

Grupos de Apoio

Expectativas (prognóstico)

A recuperação de uma concussão leva tempo.

  • Pode levar dias, semanas ou até meses.
  • A pessoa tem dificuldade em concentrar-se e pode não conseguir lembrar de coisas. A pessoa pode ficar irritável, ter dores de cabeça, tontura, visão embaçada e náusea que aparecem e desaparecem.
  • Adultos devem procurar ajuda de familiares e amigos antes de tomar decisões importantes. Isto porque os processos de raciocínio e ponderação ficam prejudicados.

Em um pequeno grupo de pacientes, os sintomas da concussão não desaparecem. O risco de alterações cerebrais a longo prazo é alto se a pessoa sofrer mais de uma lesão cerebral.

Convulsões podem ocorrer após lesões mais graves à cabeça.

Consulte seu médico

Consulte seu médico se uma lesão na cabeça causar alterações na condição de alerta ou produzir qualquer outro sintoma preocupante.

Se os sintomas não desaparecem ou não melhorarem após 2 ou 3 semanas, procure um médico.

Consulte um médico imediatamente se os seguintes sintomas ocorrerem:

  • Alterações comportamentais ou comportamento não usual
  • Alterações na fala (fala indistinta, dificuldade para compreender, falta de sentido)
  • Confusão
  • Dificuldade para andar ou sonolência
  • Visão dupla ou embaçada
  • Febre
  • Sangue ou fluido escorrendo do nariz ou ouvidos
  • Dor de cabeça que piora, dura muito tempo ou não melhora com analgésicos
  • Problemas para andar ou falar
  • Convulsões (espasmos de braços e pernas sem controle)
  • Mais de três vômitos

Prevenção

Nem todas as lesões à cabeça podem ser prevenidas. Mas os seguintes passos simples podem ajudar a manter você e suas crianças a salvo:

  • Sempre use equipamentos de segurança em atividades que podem causar lesões à cabeça. Estes incluem cintos de segurança, capacetes para motocicletas e bicicletas, e outros capacetes.
  • Aprenda e siga as recomendações de segurança para uso de bicicletas.
  • Não beba e dirija. Não aceite viajar em automóveis conduzidos por alguém que você sabe, ou suspeita, que consumiu bebidas alcoólicas ou está prejudicado de alguma forma.

CerebralConcussão

Referências

Biros MH, Heegard WG. Head injury. In: Marx JA, Hockberger RS, Walls RM, et al., eds. Rosen''''s Emergency Medicine: Concepts and Clinical Practice. 7th ed. Philadelphia, PA: Elsevier Mosby; 2009:chap 38.

Hunt T, Asplund C. Concussion assessment and management. Clin Sports Med. 2009;5-17.

Landry GL. Head and neck injuries. In: Kliegman RM, Stanton BF, St. Geme JW III, et al., eds. Nelson Textbook of Pediatrics.19th ed. Philadelphia, PA: Elsevier Saunders; 2011:chap 680.

comentários

{ang{ nome }ang}