Saúde Financeira

14/03/2016 06:00 - Atualizado em 04/11/2016 09:05

Veja quem paga Imposto de Renda e deve declarar em 2016

O envio do documento deve ser feito até o dia 29 de abril. Há multa para quem perder o prazo.

POR

Redação

  • +A
  • -A

O prazo da entrega da declaração de quem paga Imposto de Renda vai até 29 de abril. As dúvidas sobre o envio do documento constumam ser frequentes e, por isso, as informações a seguir podem auxiliar nesse processo.

O Imposto de Renda é um valor anual descontado do rendimento do trabalhador ou da empresa, destinado ao Governo Federal. A seguir, você confere como proceder para realizar a sua declaração.

quem paga imposto de renda deve calcular e fazer declaração

Descubra quem paga Imposto de Renda

Mas, afinal, quem paga Imposto de Renda? Conforme as normas de 2016 da Receita Federal, o contribuinte deverá declarar se:

- Recebeu rendimentos tributáveis no valor total acima de R$ 25.661,70

- Teve rendimentos isentos, não tributáveis ou tributáveis exclusivamente na fonte acima de R$ 40.000,00

- Teve posse de bens e direitos em valor acima de R$ 300.000,00

- Obteve receita bruta relativa à atividade rural em valor superior a R$ 128.308,50

- É produtor rural que pretende compensar, no ano-calendário de 2013 ou posteriores, prejuízos de ano-calendário anterior ou do próprio ano-calendário de 2013

- Obteve, em qualquer mês, ganho de capital na alienação de bens ou direitos, sujeito à incidência do imposto, ou realizou operações em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas

- Optou pela isenção do Imposto sobre a Renda sobre o ganho de capital com a venda de imóvel residencial, cujo produto da venda foi aplicado na aquisição de imóveis residenciais localizados no país, no prazo de 180 dias contados da celebração do contrato de venda

- Passou à condição de residente no país em 2013.

Os contribuintes que entregarem sua declaração após o prazo ou deixarem de fazê-lo poderão pagar uma multa incidente sobre o tributo, ainda que integralmente pago, observados os valores mínimo de R$ 165,74 e máximo de 20% do imposto devido.

É possível deduzir no imposto de renda valores de despesas médicas, pensão alimentícia, despesas escrituradas em livro caixa, dependente, despesas relacionadas à educação do contribuinte e contribuições para a Previdência Social e para a Previdência Privada.

Nas declarações, podem ser considerados dependentes: cônjuge; companheiro ou companheira com quem o contribuinte tenha filho ou viva há mais de 5 anos; filho ou enteado até 21 anos; filho ou enteado em qualquer idade, quando incapacitado física ou mentalmente para o trabalho; irmão; neto; pais; avós; entre outras situações.

Formas de entrega da declaração

A Receita Federal disponibilizou diferentes plataformas para o preenchimento e o envio da declaração de Imposto de Renda em 2016. É possível fazer o envio pelo programa de transmissão da Receita (Receitanet), online (com certificado digital) e na página do próprio Fisco.

Além disso, o aplicativo APP IRPF, disponível para sistemas operacionais Android e iOS, também é uma alternativa para facilitar o processo, podendo ser usado em tablets e smartphones.

Agora que você está por dentro de quem paga imposto de renda, que tal começar a sua declaração e ficar em dia com o Leão? Aproveite para continuar acompanhando as dicas de bem-estar e saúde financeira do Vivo Mais Saudável.

TAGS
declaração
IRPF
isenção
rendimentos

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ