Saúde Financeira

22/10/2015 07:20 - Atualizado em 23/11/2016 10:54

Saiba tudo sobre financiamento de carros

Para o negócio dar certo, é preciso comprometimento com o pagamento das parcelas.

POR

Redação

  • +A
  • -A

A comodidade de ter o próprio automóvel incentiva muita gente a buscar alternativas para adquirir o seu. O problema é que nem sempre se tem o valor total para um modelo zero, ou mesmo seminovo. Nesses casos, o financiamento de carros pode ser uma opção.

Quem está planejando adquirir um veículo precisa seguir alguns cuidados. Se você tem dúvidas sobre como financiar o pagamento, agora é a hora de resolvê-las. Confira!

casal na concessionária tentando um financiamento de carros

Como o financiamento de carros funciona

O financiamento é considerado uma tipo de venda, que pode ser feita por meio de Crédito Direto ao Consumidor (CDC), leasing ou consórcio.

No CDC, o banco empresta o valor necessário para a compra do veículo e fixa taxas de juros que serão aplicadas no valor total. Nesse tipo de financiamento, o carro não poderá ser negociado antes da quitação das parcelas. Isso ocorre porque, caso o cliente falhe no pagamento, a instituição poderá acionar a justiça para apreender o veículo.

No leasing, ocorre uma forma de "empréstimo" ao comprador, uma vez que o verdadeiro dono do automóvel será o próprio banco. O veículo passa a ser propriedade do consumidor apenas no final do pagamento final das parcelas. Em casos de inadimplência, o banco fica com o veículo e o comprador não recebe o valor investido de volta.

Já o financiamento de carros por consórcio é um pouco diferente. O cliente fará parte de um grupo de compradores de determinada administradora desse tipo de negócio. Ele pagará as prestações do automóvel, mas só receberá o veículo quando for contemplado (sorteado). Além do sorteio, há a possibilidade de o consorciado oferecer um lance, como num leilão.

Saiba Mais
Viagem de carro com crianças não precisa ser pesadelo. Veja dicas
Estresse no trânsito: Veja como manter a calma
Veja como socorrer vítimas de acidente de carro

No caso do CDC e do leasing, o montante negociado dependerá da renda do consumidor, levando-se em conta quanto será preciso para pagar as parcelas. Esse cuidado serve para que o comprador não se endivide por ter parcelas maiores que sua renda mensal, por exemplo.

Simulações são formas eficazes de identificar quais são os valores possíveis de pagamento. Dependendo do caso, a pessoa poderá dar uma entrada ou optar pelo financiamento total. Essa necessidade de pagamento inicial dependerá do valor aprovado pela financiadora.

Atenção na hora do financiamento

Ao optar por um financiamento de carros, é preciso levar em conta a renda mensal e, principalmente, os gastos fixos. Assim, o consumidor poderá analisar se é possível arcar com o valor das parcelas do automóvel. Confira três dicas simples para evitar a inadimplência:

1. Organize as finanças e procure dar uma boa entrada

Antes de apostar no financiamento de carros, é fundamental que você coloque na ponta do lápis detalhes sobre a sua renda e seus gastos mensais. Programe-se para começar a economizar com antecedência e tente guardar uma boa quantia para usar como entrada. Assim, você não se compromete com uma dívida tão longa e diminui as chances de ficar inadimplente.

2. Considere os gastos além da parcela

Levar em conta apenas o valor da parcela que deverá ser paga é um erro bastante comum. No entanto, vale lembrar outros gastos que possuir um carro envolve, como seguro, manutenção, licenciamento e impostos.

3. Avalie as condições do veículo

No caso de carros usados, é importante ficar atento às condições de motor, pneus e pintura. É necessário, também, verificar a documentação do veículo e a quantidade anterior de donos. Pode haver alguma multa pendente ou outra irregularidade.

Você já fez um financiamento? Tem mais alguma dica para quem está em dúvida? Compartilhe conosco nos comentários! E Aproveite para conferir as novidades de bem-estar e qualidade de vida do Vivo Mais Saudável.

TAGS
CDC
leasing
consórcio
dívidas

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ