Saúde Bucal

14/04/2015 03:46 - Atualizado em 30/11/2016 12:14

Mascar chiclete tem limite? Evite que seu filho cometa excessos

O hábito excessivo pode causar cáries, dor de estômago e até enxaqueca nas crianças.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Com uma grande variedade de cores, recheios, formatos e sabores, o chiclete é uma das guloseimas preferidas da criançada. Porém, devido ao açúcar e a outras substâncias nocivas para a saúde presentes na goma, é preciso mascar chiclete com moderação.

Se consumido em excesso, esse doce pode provocar cáries, dor de estômago e, segundo um estudo, contribuir para o surgimento de enxaqueca em crianças e adolescentes. Por isso, é indicado ter alguns cuidados, como evitar o consumo frequente e optar por versões sem compostos prejudiciais. Saiba mais.

mascar chiclete

Malefícios de mascar chiclete

As cáries são o principal problema das gomas de mascar, pois, além do açúcar, algumas opções possuem corantes e conservantes feitos à base de amido e carboidrato. Eles também acabam se transformando em açúcar no organismo. Alguns chicletes ainda podem deixar o pH da boca muito ácido e provocar o problema.

Além disso, consumir açúcar e calorias em excesso também contribui para o ganho de peso e para outros problemas de saúde, como diabetes. Para ter uma noção, uma unidade de chiclete recheado apresenta, em média, 20kcal.

Quando a goma é mascada várias vezes ao dia e a criança fica muitas horas sem se alimentar, mascar chiclete também pode causar dor de estômago. Isso ocorre porque a mastigação excessiva acaba estimulando a produção do suco gástrico estomacal, que contém ácido clorídrico. A substância age diretamente na parede do estômago, podendo causar dores.

A prática ainda pode atrapalhar o apetite dos pequenos, pois provoca a sensação de já se ter comido algo, agindo como um inibidor de fome. Também aumenta os gases gastrointestinais, pois, ao mascar chiclete, a criança engole ar, principalmente enquanto está agitada.

Mascar chiclete causa enxaqueca

Um estudo feito pela Universidade de Tel Aviv, de Israel, em conjunto com o Centro Médico Meir, divulgou que mascar chiclete causa enxaqueca em crianças e adolescentes. Os pesquisadores comprovaram que o excesso de consumo da guloseima gera um estresse na articulação temporomandibular, que trabalha demais e causa as dores de cabeça.

A pesquisa analisou 30 jovens entre seis e 19 anos, e 26 deles eliminaram a enxaqueca apenas parando de mascar chiclete. Os especialistas destacam que existem outros fatores que contribuem para a ocorrência das dores de cabeça, mas o excesso de consumo da goma de mascar é um dos principais.

Como evitar os malefícios

A principal dica para evitar que os chicletes causem prejuízos para a saúde das crianças é consumir de forma moderada. Estabeleça limites para a prática, determinando a quantidade, a frequência e o tempo que os pequenos ficarão mascando.

Além disso, opte sempre pelas versões sem açúcar e incolores, pois são mais seguras e podem até trazer alguns benefícios, como ajudar na higienização da boca e aliviar a ansiedade.

Seu filho gosta demais de chiclete? Conte para nós! E não esqueça que sempre tem novidade sobre psicologia infantil aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
chiclete
guloseimas
saúde infantil
enxaqueca

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ