Carla Furtado

ESPECIALIDADE

Comportamento, Saúde e Bem-estar

ONDE ATENDE

Carla Furtado

Apresentação

Carla Furtado é jornalista, palestrante e consultora de comunicação. Como um dos principais nomes do Marketing em Saúde no País, desenvolve projetos para empresas nacionais e internacionais. Dirige o escritório que leva seu nome, Carla Furtado Comunicação, é colunista da versão brasileira do jornal americano “The Huffington Post” e se dedica ao “The Flying Carpet Project” – primeira plataforma brasileira sobre Workation, o estilo de vida que elimina as fronteiras entre trabalho e férias.

O que Trata

Comportamento, Saúde e Bem-Estar.

Formação Acadêmica

Jornalista com especialização em Marketing, Design Estratégico e Master of Business Administration.

Cargos e Títulos

Especialista em Marketing, Design Estratégico e Pós-Graduada em Administração (MBA).

Qualidade de Vida

08/10/2015 06:00 - Atualizado em 14/11/2016 03:02

Rir é mesmo o melhor remédio?

"Rir da vida é vitamina para o sistema imunológico." Você também acha isso? Veja as dicas da colaboradora Carla Furtado.

POR

Carla Furtado

  • +A
  • -A

Uma boa gargalhada é capaz de fazer maravilhas por você. Quem afirma é a Mayo Clinic, responsável por uma produção científica consistente e confiável. De pronto, ocorrem mudanças orgânicas, como o estímulo ao coração, aos pulmões e músculos – promovido pela inspiração profunda que acompanha a risada explícita. No âmbito cerebral, ocorre uma tempestade de endorfinas, responsáveis por uma sensação de bem-estar que droga nenhuma pode oferecer.

Rir da vida é enxergá-la por um prisma positivo e isso, minha gente, é vitamina para o sistema imunológico.

Os neuropeptídios – cadeias de aminoácidos que distribuem pelo corpo as emoções que ocorrem no cérebro – espalham uma mensagem boa que, ao ser captada pelos receptores celulares, combate o estresse e até mesmo algumas doenças.

Algumas dores não são páreas para gargalhadas genuínas. Sim, elas também têm potencial analgésico. No campo das doenças psíquicas, como a depressão, rir é remédio coadjuvante ao tratamento convencional.

Se o bom humor não é exatamente seu companheiro de estrada, vale saber que é possível alimentá-lo, a ponto de vê-lo crescer e se estabelecer.  

Saiba Mais
Rir é o melhor remédio para a memória, indica estudo
Cuidar do sorriso pode abrir portas na carreira
Risoterapia: Rir pode ser mesmo um ótimo remédio

Algumas dicas valiosas:

- Na hora de ir ao cinema, escolha a comédia;

- Ria de si mesmo – hábito dos mais saudáveis e excelente antídoto para a autopiedade;

- Valorize as companhias divertidas, gente capaz de provocar o riso fácil;

- Evite tudo que invoca gratuitamente a tristeza.


E você, ri com facilidade? Conte para gente.

Fique ligado nas notícias dos nossos especialistas. Eles são feitos para você.

Vivo Mais Saudável. Informação que faz bem.


TAGS
gargalhada
importância de rir
felicidade

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ