Qualidade de Vida

27/05/2015 11:32 - Atualizado em 23/11/2016 02:19

Melhor idade: Aproveite a velhice com qualidade de vida

O estilo de vida que a pessoa leva na juventude contribui para a saúde na terceira idade.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Muitas pessoas encaram o passar dos anos como um problema, pensando que quando chegarem à terceira idade não poderão mais aproveitar a vida, ficando doentes ou dependentes. Porém, não é bem assim. É possível ter uma velhice tranquila, com saúde e qualidade.

Para isso, os cuidados já devem começar antes, mantendo hábitos saudáveis e prevenindo problemas de saúde. Além da prática regular de atividades físicas, uma alimentação equilibrada, momentos de lazer, consultas periódicas ao médico e outras atitudes também ajudam a facilitar a vida do idoso, garantindo mais tranquilidade e bem-estar.

velhice

Velhice com saúde e qualidade de vida

Conforme as estimativas oficiais do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a expectativa de vida do brasileiro, em 1980, era de 62,7 anos. Em 2013, esse índice subiu para 74,9 anos, apresentando um aumento de 17,9%. O avanço foi divulgado no Relatório de Desenvolvimento Humano 2014 pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD).

Segundo o Instituro, a diminuição da mortalidade entre idosos se deu por diversos fatores, como avanços médicos e farmacológicos, aposentadoria rural, benefício de prestação continuada e o Estatuto do Idoso, que possibilita uma série de avanços no tratamento aos mais velhos.

Devido a esses aspectos, cada vez tem se tornado mais fácil ter uma velhice com saúde e um estilo de vida de qualidade. Além desses avanços, hoje em dia as pessoas têm mais acesso a informação e a orientações profissionais, buscando manter hábitos saudáveis antes mesmo de chegar à terceira idade.

De acordo com a psicóloga clínica Mariuza Pregnolato, quanto mais cedo se iniciam os cuidados com a saúde, melhores serão as condições físicas na velhice. Os principais fatores que ajudam nessa tarefa são praticar atividade física, evitar excessos alimentares e o abuso de drogas e álcool, além de ter um sono adequado.

Já a mente pode se manter sadia por meio do autoconhecimento e do respeito aos valores e gostos individuais de cada um.

Para Mariuza, com o avanço da idade, as características de personalidade ficam mais fortes e presentes, exigindo o desenvolvimento de mecanismos internos de superação e de controle emocional, que ajudam a entender e respeitar as mudanças e limitações que surgem juntamente com a idade.

velhice

Dicas para uma velhice mais tranquila

Além dos cuidados que os idosos devem ter para manter a saúde física e mental, outros aspectos também contribuem para uma velhice tranquila. Manter hábitos saudáveis durante os anos anteriores reflete também na terceira idade, adiando degenerações e minimizando problemas de saúde. Por isso, a preocupação com a saúde deve começar antes.

Segundo Mariuza, vencer o preconceito e se adaptar às mudanças também é fundamental. Os idosos devem continuar praticando atividades que os fazem bem, respeitando suas limitações físicas e de saúde. Apesar de cansarem mais rápido, com um condicionamento físico adequado, podem manter boa mobilidade e capacidade funcional.

Estratégias criativas e compensatórias ainda permitem desenvolver adaptações para várias questões, inclusive para a continuidade de uma vida sexual ativa e prazerosa. Conforme as pessoas vão aceitando e se adaptando a cada nova fase da vida, elas aumentam as chances de conquistar efeitos positivos para o bem-estar próprio e para uma velhice plena.

Como você se prepara para ter uma velhice com qualidade? Conte para nós! E não esqueça de acompanhar as novidades do Vivo Mais Saudável.

TAGS
envelhecer
idosos
terceira idade
hábitos saudáveis

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ