Qualidade de Vida

23/02/2015 08:22 - Atualizado em 30/11/2016 10:38

Jiu-jitsu emagrece: Conheça um caso real que é a prova

Reduzir a ansiedade e queimar gordura corporal são motivos pelos quais jiu-jitsu emagrece.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Nathalia Oliveira nunca havia se preocupado com o peso, até perceber que não cabia mais em roupas antigas. A carioca é a prova de que jiu-jitsu emagrece. Foi com a luta que ela conseguiu eliminar de forma saudável e rápida os quilinhos adquiridos ao longo dos anos.

jiu jitsu emagrece

Por que jiu-jitsu emagrace

jiu jitsu emagreceO jiu-jitsu é um esporte de contato, uma luta que exige o embate entre dois lutadores. Essa proximidade corporal e a força que é feita para combater o adversário exigem um esforço físico muito grande.

Para se manter em funcionamento e ter força suficiente para lutar, o corpo consome uma quantidade importante de energia - ou seja, queima gordura.

Os movimentos do jiu-jitsu também favorecem o ganho de massa muscular. Os golpes realizados no solo ajudam a desenvolver músculos na região do abdômen, nas coxas, nas costas e nos braços.

Quanto mais massa muscular o corpo tem, mais ele perde gordura e é por isso que o jiu-jitsu emagrece tanto. Ele gasta energia enquanto estimula a musculatura.

Outro fator pelo qual o jiu-jitsu emagrece é a redução da ansiedade. As artes marciais, de modo geral, possuem uma filosofia de concentração e equilíbrio emocional.

Mesmo que existam golpes violentos, os lutadores não são pessoas essencialmente nervosas ou irritadas. O trabalho de equilíbrio psicológico é essencial na redução alimentar.

Além de emagrecer, o esporte também faz de você alguém mais saudável e resistente.

"Antes, eu ficava cansada só em subir um andar de escada. O jiu-jitsu aumentou muito meu condicionamento físico", diz Nathalia, que é estudante de Direito.

Jiu-jitsu emagrece: A rotina

jiu jitsu emagreceNathalia nunca teve um biotipo magro, mas também nunca havia passado dos 65kg, vestindo manequim 38.

Quando percebeu que havia pulado para o 44 e estava com 74kg, ela recebeu o "start", a motivação para iniciar um processo de emagrecimento. Mas não é porque o jiu-jitsu emagrece que ela decidiu praticar o esporte.

Nenhuma atividade física substitui uma alimentação saudável. Por isso, a estudante carioca procurou uma nutricionista, com quem faz acompanhamento até hoje, para adaptar a dieta.

"Procuro evitar alimentos gordurosos e doces. Minha dieta é composta basicamente de bastantes frutas, legumes, verduras e aveia", comenta Nathalia.

Ela estava no último período da faculdade que cursava quando percebeu que precisava perder peso. Eram muitos compromissos e pouco tempo livre.

Quando começou a se dedicar ao esporte, ela percebeu que o jiu-jitsu emagrece somente se você se dedicar a ele. Dessa forma, diminuiu suas outras atividades e começou a focar mais no seu objetivo final.

Hoje a dieta dela não é mais tão rígida, já que Nathalia conseguiu perder os almejados 11kg. Ainda assim, ela se mantém controlada e intensifica os cuidados quando participa algum campeonato.

O caso de Nathalia é um alerta de que não basta procurar uma atividade: é preciso realizar uma mudança completa na rotina.

Gostou dessa história de vida? Então deixe um comentário! E não esqueça de curtir nossa página no Facebook para ficar ligado em todas as novidades do Vivo Mais Saudável.

TAGS
emagrecimento
esporte
artes marciais
reeducação alimentar

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ