Qualidade de Vida

02/05/2015 10:34 - Atualizado em 29/11/2016 10:16

Jardinagem acalma os ânimos e ajuda a melhorar a saúde

Atividade é indicada para tratamento e controle de problemas físicos e mentais.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Você já pensou em ter uma atividade de lazer que relaxe, proporcione contato com a natureza e ainda melhore a sua saúde? A prática da jardinagem tem essas funções e ainda pode oferecer uma bela decoração ou uma alimentação mais saudável, com o cultivo de suas próprias frutas e verduras.

Além de reduzir o estresse, o contato com a natureza estimula todos os sentidos e movimenta o corpo, trazendo benefícios para a saúde física e mental. O jardim pode ser feito no pátio de casa ou até mesmo num cantinho do apartamento, utilizando vasos pequenos e delicados, o que acaba contribuindo também para a decoração do ambiente.

Benefícios da jardinagem para a saúde

O dia a dia está cada vez mais corrido, e as pessoas têm que dividir o seu tempo entre trabalhar, cuidar da casa e dos filhos e tantas outras tarefas. Devido a essa rotina estressante, os momentos de lazer se tornam ainda mais importantes. Uma ótima opção para isso é aderir à jardinagem, que possibilita um tempo tranquilo de contato com a natureza.

jardinagem

A jardinagem oferece um tempo só para si, sem barulhos ou preocupações. Esse momento de reflexão e relaxamento alivia o estresse, melhora o humor e proporciona bem-estar. Também ajuda a reduzir a pressão arterial, a controlar o funcionamento do coração, a relaxar os músculos e a revitalizar a energia.

Além dos benefícios psicológicos, cuidar do jardim também trabalha a parte física. A prática exige andar, abaixar, levantar, cavar, capinar, enterrar e repetir várias outras ações, o que pode queimar calorias. A atividade se torna um exercício de baixo impacto, aumenta a flexibilidade e a coordenação motora e fortalece as articulações do corpo.

É recomendada e utilizada na reabilitação de pacientes com problemas de socialização, com deficiências físicas ou mentais, hipertensos e pessoas que sofram com dores crônicas.

A jardinagem é indicada também para os idosos e pessoas com problemas de visão, pois algumas habilidades são desenvolvidas, como a identificação das plantas pelo seu cheiro, sua textura e sua forma. Para os mais velhos, é uma forma de terapia ocupacional.

Como adaptar a jardinagem ao seu estilo de vida

Mesmo quem mora em apartamento ou não tem muito espaço no quintal de casa pode aderir à jardinagem. Seguindo alguns cuidados básicos, qualquer um pode plantar flores para compor a decoração, ou ainda cultivar frutas, verduras e legumes para ter alimentos mais saudáveis, frescos e sem agrotóxicos a sua disposição.

Para começar, não escolha logo um espaço muito grande para fazer jardim extenso. A dica é iniciar aos poucos e de forma moderada, para aprender e aproveitar os benefícios da prática. Quem tem pouco espaço pode utilizar pequenos recipientes para plantar, cuidando apenas para que eles estejam limpos e tenham buracos na parte inferior.

Com calma, paciência e dedicação, você pode ter um jardim diversificado e bonito, além de mais qualidade de vida. Procure as instruções corretas para plantar e cultivar a opção escolhida e aproveite os benefícios da atividade.

Gostou da ideia? Comente aqui! E não esqueça que você sempre encontra novidades aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
relaxar
terapia ocupacional
flores
jardim

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ