Qualidade de Vida

30/01/2016 10:00 - Atualizado em 25/11/2016 01:18

Comemore o Dia Internacional da Não Violência

Data relembra a trajetória de luta do pacifista indiano Mahatma Gandhi.

POR

Redação

  • +A
  • -A

O Dia Internacional da Não Violência, celebrado em 30 de janeiro, é uma iniciativa da Organização das Nações Unidas (ONU) em homenagem ao ativista indiano Mahatma Gandhi, assassinado nessa data, no ano de 1948. Décadas mais tarde, o mundo ainda busca a paz entre as nações.

A ocasião é voltada à educação para a paz na sociedade, bem como à solidariedade e ao respeito aos Direitos Humanos. Saiba mais sobre a luta de Gandhi e veja como cultivar um ambiente mais pacífico em sua comunidade.

mulher com mão aberta simboliza a não violência

Quem foi Mahatma Gandhi

O pacifista Maohandas Karamchand Gandhi nasceu na Índia, em 1869. Ele entrou para a História como um dos principais ativistas pela paz e pela realização dos Direitos Humanos. Formado em Direito, suas primeiras ações contra o racismo foram na África do Sul, sempre de forma pacífica.

Durante esse tempo, ele buscou melhorias na qualidade de vida dos indianos que residiam na África e, após algumas batalhas vencidas, decidiu retornar ao país de origem. Lá, Gandhi ingressou na luta pela independência do país, que até então era uma colônia do Império Britânico. Depois de muito esforço, a Índia conquistou sua independência, em 1947.

As estratégias de Gandhi durante os enfrentamentos com o governo britânico sempre foram baseadas na não violência. Marchas, greves, orações, testemunhos e diálogo eram as ferramentas para alcançar os objetivos de melhorar a vida de seu povo.

Gandhi tentou, por boa parte de sua trajetória, unificar hindus e muçulmanos. No entanto, acabou sendo assassinado por um hinduísta radical. O crime teria sido motivado pela posição contrária à tolerância religiosa pregada por ele.

Saiba Mais
Feminicídio: Violência doméstica ainda precisa ser combatida
Violência contra o idoso: Ajude a combater esse mal
Violência obstétrica é assunto que assusta gestantes

Dia da Não Violência

O Dia Internacional da Não Violência relembra o trabalhado realizado por Gandhi e a importância de a sociedade se unir contra qualquer tipo de prática violenta. Entre outras ações pessoais, estão a denúncia de crimes de preconceito, discriminação ou violência, além da realização de ações solidárias.

gandhi não violênciaA chamada cultura da paz deve ser disseminada em diferentes ambientes. É importante que ela seja abordada desde os primeiros anos de escola e em conversas com os familiares.

As pequenas ações do cotidiano refletem diretamente no comportamento da sociedade. A maneira como nos comunicamos, ou como lidamos com conflitos e problemas, são exemplos desse aprendizado. A capacidade de reconhecer, respeitar e valorizar as diferenças, também.

Em um de seus discursos, Gandhi advertiu: olho por olho e o mundo acabará cego. Inspire-se nas palavras do pacifista indiano e no seu trabalho pela reconciliação. Contribua você também para uma sociedade igualitária e justa.

O que você faz para incentivar à não violência? Deixe um comentário! E aproveite para acompanhar outras dicas de bem-estar do Vivo Mais Saudável.

TAGS
cultura de paz
Gandhi
pacifismo
comportamento

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ