Qualidade de Vida

02/10/2014 08:00 - Atualizado em 26/11/2016 07:49

Brinquedos educativos: Escolha o melhor presente e evite riscos

Em meio a tantas ofertas para o Dia das Crianças é uma tarefa difícil escolher o melhor para seus filhos. Veja dicas de como fugir das armadilhas e fazer a alegria dos pequenos.

POR

Redação

  • +A
  • -A

O Dia das Crianças está chegando e muitos pais começam a pensar em qual presente dará para os filhos. O problema fica ainda maior se consideramos a influência que os personagens de desenhos ou filmes possuem sobre o gosto das crianças. Mas uma preocupação comum entre os pais é se estes brinquedos da moda são bons ou prejudiciais para os filhos, ou mesmo se eles ajudam ou atrapalham o desenvolvimento da criança. 

Brinquedos educativos

Para ajudar você a escolher o melhor presente para os seus filhos, vamos dar algumas dicas de como evitar as armadilhas e optar por brinquedos educativos, o que pode ajudar muito no desenvolvimento das crianças. 

Como evitar brinquedos perigosos 

A segurança é a primeira coisa que deve orientar a escolha de qualquer produto, ainda mais se o que está em jogo é a saúde das crianças. Desde 1988 todos os brinquedos vendidos no Brasil devem ser certificados pelo Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia). Esta determinação tem como objetivo retirar do mercado produtos e marcas que tragam algum risco para as crianças. 

Os brinquedos aprovados nas avaliações recebem o chamado “selo Inmetro”, que certifica o produto como propício para a comercialização. Entre os principais critérios para a avaliação dos brinquedos pelo instituto podemos destacar: 

- Os brinquedos não devem ter pontas, extremidades cortantes ou partes pequenas que possam ser engolidas; 

- Não podem ser fabricados ou pintados com material tóxico, pois as crianças costumam colocá-los na boca

Além disso, são feitos também diversos testes em laboratório que podem comprovar se o brinquedo oferece algum risco para as crianças. Esta certificação segue os mesmo critérios de um regulamento técnico harmonizado no âmbito do Mercosul, que tem como base as normas adotadas em todo o mundo. 

Como escolher brinquedos educativos 

Qual pai ou mãe não quer ver seus filhos se desenvolvendo bem e aprendendo mesmo enquanto brincam? Se você pretende fazer uma opção por brinquedos educativos ou que proporcionem a interação entre as crianças, temos também algumas dicas. Vale sempre lembrar que o fato de ser um brinquedo educativo não quer dizer que ele seja chato, mas somente que ele ajude a criança a se desenvolver de alguma forma. 

O primeiro passo para acertar nos brinquedos educativos é avaliar o perfil e as preferências da criança, o que ajuda a escolher brinquedos que possam atrair o interesse dos pequenos. É importante considerar quais habilidades você pretende que sejam desenvolvidas, além de observar também o gosto da criança, seu temperamento, habilidades e até mesmo suas limitações. 

Os brinquedos educativos devem ser divertidos e contribuir para a formação da criança. Este talvez seja o maior desafio dos pais ao escolher os melhores produtos para seus filhos. A dica é ficar sempre atento ao que o produto pode oferecer em termos de estímulos (como a socialização, o raciocínio, memória, etc.), além de ser visualmente atraente e promover a diversão acima de tudo.

Lembre-se de que os brinquedos educativos devem ser usados como uma ajuda divertida para o desenvolvimento da criança, por isso não pode ser uma coisa na qual ela se sinta obrigada a usar. Busque conhecer melhor os gostos e estilos dos seus filhos, isso além de aproximar você ainda mais deles, vai ajudá-lo também a não errar no presente do Dia das Crianças e outras datas comemorativas

Se você ainda tem dúvidas sobre qual brinquedo comprar para seu filho ou alguma experiência de escolha certa ou errada conte-nos aqui nos comentários e em nossa página no Facebook!

TAGS
dia das crianças
brinquedos
presentes perigosos

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ