Psicologia Infantil

05/08/2014 09:00 - Atualizado em 09/12/2016 01:02

Descubra quando procurar um psicólogo e pedir ajuda para seu filho

Entender quando procurar um psicólogo passa pela análise do comportamento do filho em casa e na escola.

POR

Redação

  • +A
  • -A

O Ministério da Saúde anunciou em um relatório recente que cerca de 23 milhões de brasileiros necessitam de acompanhamento contínuo ou eventual para a saúde mental. Muitos destes casos são decorrentes de traumas ou transtornos desenvolvidos na infância e que se agravaram em razão de as famílias não saberem quando procurar um psicólogo

Descubra quando procurar um psicólogo para seu filho

Os distúrbios e transtornos mentais apresentam uma série de sinais no comportamento das crianças. Às vezes, algumas pequenas mudanças podem ser sinais de que é hora de pedir ajuda. Para saber quando procurar um psicólogo, observe as atitudes do seu filho, as reações que ele tem frente a determinadas situações e relacione esses comportamentos aos apresentados pelas demais crianças. 

quando-procurar-um-psicologo
Crianças com problemas de comportamento e de aprendizagem podem precisar de ajuda. Foto: Shutterstock

4 razões para entender quando procurar um psicólogo

Saiba como identificar se o seu filho precisa de ajuda e como auxiliá-lo. 

1. Dificuldade de aprendizagem 

É normal que nem todas as crianças aprendam na mesma velocidade e da mesma forma. Algumas aprendem a ler na escola, enquanto outras desenvolvem esta capacidade desde muito pequenas. 

Mas isto não significa que você não deva ficar atento a aprendizagem de seu filho. Se ele tem muita dificuldade para desenvolver alguma atividade lógica ou demora muito para assimilar algum conteúdo, pode ser hora de procurar ajuda. 

Nestes casos, o primeiro passo pode ser dado dentro da própria escola. Algumas das escolas brasileiras contam com o serviço de psicopedagogia. Estes profissionais são os mais indicados para avaliar as defasagens da criança e iniciar um trabalho de desenvolvimento com ela. O diagnóstico do psicopedagogo lhe ajudará a descobrir quando procurar um psicólogo

2. Enurese e encoprese

A enurese e a encoprese são muito comuns em bebês e crianças de até 3 anos de idade. A primeira se configura pela incontinência urinária noturna ou diurna, enquanto a segunda é a incapacidade do esfíncter anal de controlar as fezes da criança. 

Ambas podem ser sintomas de distúrbios ou transtornos mentais e costumam surgir após algum trauma ou situação de medo e humilhação. Elas podem lhe mostrar quando procurar um psicólogo

3. Agressividade

De forma geral, as crianças pequenas têm tendência à docilidade. Apesar de serem bastante agitadas, não costumam apresentar comportamento agressivo. Se o seu filho gosta de brincadeiras violentas, não reage bem a ordens ou sugestões e, principalmente, se essas atitudes surgiram de repente, saiba que é hora de levá-lo a um consultório psicológico. 

 4. Necessidade extrema de contato com os pais

Normalmente, os pais são as pessoas mais próximas dos filhos e, por isso, são ideais para saber quando procurar um psicólogo para a criança. Se o seu filho só consegue desenvolver atividades e frequentar lugares com a sua presença e não se relaciona bem com as demais pessoas, é hora de pedir auxílio. 

Muitas vezes, os genitores representam segurança aos filhos que, quando estão amedrontados por algum motivo, vêem nos pais um refúgio. 

O trabalho da Psicologia Infantil é baseado em atividades lúdicas, que servem para expressar as angústias, as fantasias e os sentimentos da criança. Quando procurar um psicólogo para seu filho, faça uma pesquisa com indicações e especializações do profissional com fontes que sejam de sua confiança. E observe as atitudes da criança, afinal, será você quem vai apresentar o seu filho ao psicólogo.

Leia também:

Ajude seu filho a perder a timidez

Aprenda como lidar com uma criança que mente

Conheça os benefícios de impor limites às crianças

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ