Psicologia Infantil

11/01/2015 04:51 - Atualizado em 06/11/2016 07:23

Conheça a rotina de um bebê de 2 meses

O bebê de 2 meses já é um pouco mais ativo que o recém-nascido, mas ainda dorme e mama bastante.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Conhecer a rotina de um bebê de 2 meses é importante para acompanhar o seu desenvolvimento e avaliar o crescimento do pequeno. Mais ativo do que no primeiro mês de vida, o bebê já vira a cabeça, segue os objetos com os olhos de um lado para o outro e de cima para baixo, esboça pequenos sorrisos, começa a balbuciar e até reconhece a voz da mãe.

Bebê de 2 meses

O tamanho do bebê de 2 meses

Com dois meses, esse é o tamanho que deve ser levado em conta para o bebê, mas ele pode variar sem que isso signifique qualquer problema em seu desenvolvimento, por isso é indispensável o acompanhamento de um pediatra

Meninos em média: 5 kg – 57 cm de comprimento – 36,8 a 41,5 cm de perímetro cefálico.

Meninas em média: 4, 7 kg – 56 cm de comprimento – 35,8 a 40,7 cm de perímetro cefálico.

Em geral, o bebê nessa fase mantem um padrão de aumento de peso de 600-900 g por mês.

O sono

O sono do bebê de 2 meses ainda não é dos mais regulares. Em geral, cerca de 50% dos bebês que tomam fórmula já dormem a noite inteira, mas os que mamam leite materno costumam demorar um pouco mais, acordando a cada 3 ou 4 horas ao longo da noite.

O desenvolvimento do bebê

Como já destacado, o desenvolvimento do bebê de 2 meses deve ser sempre avaliado pelo pediatra. Nesta idade, o bebê geralmente já é capaz de:

- Manter a cabeça, o pescoço e uma parte do peito erguidas, apoiando-se nos antebraços por uns segundos

- Elevar a cabeça quando está no colo de alguém para “espiar” as coisas ao redor

- Demonstrar satisfação com um sorriso e mexendo as pernas e braços

- Emitir sons e gesticular. O pequeno pode se assustar, chorar ou acordar com sons intensos e repentinos, como algo pesado caindo no chão, e se acalmar ao ouvir uma voz familiar, como a da mãe ou do pai.

A alimentação do bebê de 2 meses

Até os seis meses, o alimento do bebê deve ser exclusivamente leite materno. pois ele funciona como uma vacina e protege o pequeno de diversas infecções. Nem mesmo água é necessária nesse período.

Se a mãe tiver alguma dificuldade para amamentar, o pediatra indicará leites artificiais para suplementar a alimentação do bebê, devendo ser oferecida água ao longo do dia, principalmente no verão, a fim de evitar que o pequeno se desidrate.

Gostou das dicas? Então deixe um comentário! E não esqueça de curtir nossa página no Facebook para ficar ligado em todas as novidades do Vivo Mais Saudável.

TAGS
bebê
maternidade
família
saúde

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ