Psicologia Infantil

26/11/2014 10:00 - Atualizado em 11/11/2016 10:58

Colônia de férias é opção para as crianças

Crianças têm atividades físicas e de aprendizado na colônia de férias.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Férias significam descanso e diversão para a criançada, mas, para os pais, o período pode virar motivo de preocupação. O que fazer com tanta energia e tempo livre? As dúvidas aumentam se a pausa nas aulas não coincide com as férias do trabalho.

Colônia de férias para as crianças

Em tempos de violência e de moradias em espaços restritos, como apartamentos e condomínios, e também para aqueles que não podem viajar, a colônia de férias é a alternativa mais atraente.

Essa opção combina atividades e diversão, intercaladas com momentos de descanso, além de proporcionar aos pequenos uma interação com outras crianças que não aquelas com as quais já estão acostumadas a conviver na escola e nos demais compromissos do dia a dia.

colonia-de-ferias

Mas antes de escolher a colônia de férias ideal, alguns aspectos bem importantes devem ser observados. Os principais envolvem a formação da equipe de profissionais, a estrutura física do local e também o tipo de atividades disponíveis.

É importante também entender e explicar para as crianças a função das férias. Originalmente, o período existe devido à necessidade de descanso, essencial para que a criança possa assimilar as lições até então passadas nas aulas e preparar-se para as próximas informações que receberá até o final do ano letivo.

Assim, você deve conhecer a estrutura do local e a formação da equipe de profissionais que acompanharão seu filho com antecedência e procurar saber o que será oferecido em termos de alimentação, segurança e estruturas de banheiros, dormitórios e salas, além da divisão por faixa etária entre grupos. Essa preocupação no planejamento faz toda diferença na hora de escolher uma colônia de férias.

É preciso ainda ficar atento para os diferentes tipos de propostas, de acordo com a idade e as preferências dos pequenos. Os parques aquáticos – os preferidos da garotada – não são recomendados para os menores de 8 anos, por exemplo.

Atividades da colônia de férias

A programação da colônia de férias deve observar os passeios externos e a proporcionalidade na quantidade de pessoal destinado ao cuidado com os pequenos.

Atividades mais lúdicas, como a contação de histórias, além de reforçarem o imaginário da criança e despertarem o interesse pela leitura e o conhecimento, intensificam as relações com os colegas e cuidadores, tornando a experiência muito mais agradável e proveitosa.

No entanto, na hora de avaliar os jogos e brincadeiras oferecidos, os pais não devem se ater somente aos de cunho educativo, sob pena de, ao serem aplicados na hora inadequada, os objetos causarem aversão dos pequenos mais tarde, durante o uso no reforço escolar.

Quando forem escolher os tipos de passeios, que podem ser a parques, praias, sítios ou qualquer outro tipo de ambiente que ofereça maior contato com a natureza, também é importante levar em conta a interação com os pais que as atividades podem proporcionar.

Isso reforça o vínculo comda família e é também uma forma de aliviar o estresse de todos, auxiliando na busca do bem-estar da criança nesse período de descanso.

Gosta das nossas dicas de bem-estar e psicologia infantil? Então deixe um comentário! E não esqueça de curtir nossa página no Facebook para ficar ligado em todas as novidades do Vivo Mais Saudável.

TAGS
crianças
atividade física
aprendizado
psicologia infantil

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ