Psicologia Infantil

01/02/2016 01:00 - Atualizado em 24/11/2016 12:44

Aprenda a lidar com o temperamento do seu filho

Personalidades diferentes demandam cuidados também específicos.

POR

Redação

  • +A
  • -A

O temperamento de cada criança é diferente. Enquanto algumas são mais curiosas e extrovertidas, outras preferem ficar sozinhas e quietas. Essa diversidade acaba causando dúvidas sobre como agir, principalmente entre pais e mães de primeira viagem.

As características podem ser tanto resultado da própria genética quanto de experiências vividas, do relacionamento familiar e das amizades. Muitas vezes, o problema maior acaba sendo a insegurança dos pais em relação ao comportamento dos filhos.

crianças com temperamento ativo

Saiba lidar com o temperamento do seu filho

Cada personalidade exige medidas distintas. É preciso paciência e atenção na hora de lidar com essas diferenças. No entanto, especialmente quando o temperamento interfere no desenvolvimento da criança, algumas medidas devem ser tomadas.

Segundo a antroposofia, existem quatro perfis temperamentais básicos. Embora nem sempre dê para classificar todo mundo assim, as categorias já servem como um guia para os pais. Confira:

Colérico

As crianças mais teimosas, que não aceitam que as situações sejam diferentes de seu desejo, são conhecidas como coléricas. Elas costumam estar mais centradas no "eu" acima de tudo e de todos. Para lidar com essa personalidade, os pais devem colocar o pequeno frente a uma situação em que se veja egoísta para aprender e reparar o erro.

Fleumático

As crianças com esse temperamento tendem a ser mais fáceis de lidar, devido ao jeito tranquilo e pacífico. Geralmente, não ficam irritadas e fazem o que é pedido. Por outro lado, é preciso atenção para que o pequeno não se torne muito acomodado. Indica-se que os pais incentivem à prática de atividades diversas e não deixem que os filhos passe o dia inteiro dormindo ou em frente à televisão.

Melancólico

Crianças que choram com facilidade e sentem-se perseguidas ou injustiçadas são aquelas conhecidas como melancólicas. É importante que os pais evitem rir do "drama" feito pelo filho. O ideal é atrair sua atenção para outros pontos, como histórias e brincadeiras. Pessoas com esse comportamento precisam se sentir seguras e compreendidas.

Sanguíneo

Esse é o temperamento caracterizado pelas crianças extrovertidas, alegres e sedentas por movimento. Normalmente, são criativas e e cheias de ideias. No entanto, tendem a mudar de ideia facilmente e, por isso, dificilmente terminam tarefas.

O principal desafio para os pais desses pequenos é fazê-los se aprofundar em algo. A dica é propor atividades mais curtas até que a criança encontre aquilo que lhe faz querer continuar envolvida.

Saiba Mais
Teatro infantil estimula a criatividade e a perda da timidez
Atividades extracurriculares podem sobrecarregar a criança
Aproveite o recesso escolar com programas em família

Procure apoio profissional

Ser pai ou mãe não é tarefa fácil. Dúvidas, incertezas e inseguranças sempre vão surgir. Diante de uma criança mais reservada ou muito hiperativa, que fuja ao padrão, alguns se sentem perdidos.

Uma alternativa para lidar com essa questão é procurar um psicólogo infantil. Esse profissional está apto a compreender as situações mais a fundo, além de ter métodos diferentes para se conectar com o pequeno. Caso você acredite que precisa de apoio para compreender o temperamento do seu filho, não hesite em buscar um especialista.

Tirou suas dúvidas? Deixe um comentário! E aproveite para conferir outras dicas de bem-estar para toda a família aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
comportamento
desenvolvimento infantil
personalidade
educação

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ