Psicologia Infantil

23/02/2015 11:42 - Atualizado em 28/11/2016 09:49

Ajude seu filho a largar a chupeta na hora certa

Criatividade, paciência e muito amor são os ingredientes para abandonar a chupeta.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Para as crianças, a chupeta ajuda a aliviar a ansiedade e até a se adaptar a novas situações. Para os pais, com o passar do tempo, torna-se motivo de preocupação. Mais cedo ou mais tarde, esse acessório terá que ser abandonado para não prejudicar o desenvolvimento do bebê.

Porém, fica a dúvida: quando é a melhor hora de tirar a chupeta do filho? E como fazer isso sem causar traumas? Cada criança é um pequeno universo e o que serve para uma pode não servir para as demais. De qualquer forma, daremos dicas simples para que você, gradualmente, ajude seu filho a se livrar do bico.

chupeta

A chupeta é prejudicial?

A sucção pode atrapalhar as crianças que estão começando a falar. Isso porque passar cinco, seis horas sugando a chupeta pode comprometer o desenvolvimento de músculos essenciais para a fala. Por isso, limitar o uso, desde o primeiro momento, é essencial.

Além disso, se a criança continuar usando o acessório até o surgimento da dentição permanente, corre o risco de ter problemas no crescimento dos dentes e desenvolver uma arcada torta.

Em geral, a criança larga o bico quando tem um ano ou um ano e meio de idade. Isso ocorre naturalmente, pois a necessidade da chupeta vai diminuindo, conforme o pequeno cresce.

Dicas para largar a chupeta naturalmente

Identifique em que situações seu filho costuma recorrer ao objeto. Se for quando ele estiver descansando, proponha atividades e brincadeiras que o distraiam. Assim, ele vai abandonando o hábito naturalmente.

O elogio é uma ferramenta poderosa nesse processo. Por saber o quanto é difícil para a criança, congratule a força de vontade dela e a estimule a usar o bico apenas em determinados horários, como à noite, por exemplo.

Sem que o filho perceba, diminua o tempo em que o bico é liberado. Podem ser cinco ou dez minutos a menos por dia. Tenha paciência e preste atenção às queixas da criança. Porém, se ela não pedir, jamais volte a dar o acessório.

E que tal propor o desafio dos dias sem chupeta? Faça um calendário colorido e atraente. Para cada dia em que o pequeno ficar sem o bico, faça um desenho diferente. Se ele cumprir a meta, recompense com algo especial, como um passeio.

Algo que sempre funciona é doar o bico. Reúna todas as chupetas e converse com a criança, explicando que ela está crescendo e que crianças grandes não usam aquilo. Depois, peça para que ela "doe" para um personagem infantil que ela admira.

Se for próximo ao Natal, vá a algum shopping e peça para que a criança faça a doação ao Papai Noel. O mesmo pode ocorrer para personagens fantasiados em lojas de brinquedos e nos cinemas ou eventos infantis.

Fazer com que a chupeta fique “cansadinha” também é um bom truque para o filho abandonar o hábito. Faça um pequeno furo nela. Isso irá dificultar a sucção e, provavelmente, fazer com que a criança perca o interesse. Se ela pedir para comprar outra, seja firme e explique que está na hora de largá-la.

Esse processo não é fácil. Mas, se for permeado de muita paciência, amor e criatividade, a criança passa por ele sem traumas.

E você, tem dificuldade para que o filho largue esse hábito? Conte para nós! E não esqueça de curtir nossa página no Facebook para ficar ligado em todas as novidades do Vivo Mais Saudável.

TAGS
hábitos infantis
dentição
comportamento infantil
dicas

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ