PuraEco

ESPECIALIDADE

Coaching de Estilo de Vida

ONDE ATENDE

Atendimento particular

PuraEco

Apresentação

Ser uma inspiração daquilo que é possível. Este é o propósito de Tammy Peix e Laura Luis, que juntas formam a PuraEco. Através do trabalho de coaching holístico, a dupla ajuda você a se conhecer melhor, recriar sua vida e abraçar sua singularidade. Se você sabe quem é e onde quer chegar, se você sabe por que esta neste mundo, se você sabe que é capaz de ter a vida que quiser, então você pode! O poder do progresso está dentro de nós mesmos e, sempre que tomamos uma decisão, impactamos nossas vidas e de outros. Apenas temos que dar pequenos passos, um de cada vez, criando uma mudança duradoura para nossas vidas e para o planeta. Todos somos um!

O que Trata

Corpo e mente. Em suas jornadas de autoconhecimento, Tammy emagreceu mais de 30kg e Laura driblou diversos problemas de saúde, muitos de origem psicológica. Juntas, formam uma dupla de coaching especialista em bem-estar e estilo de vida saudável.

Formação Acadêmica

Tammy Peix

Certificação em Coaching Professional pela BeCoach e em Coaching de Intervenção Estratégica pelo Instituto de Anthony Robbins e Cloe Madanes nos Estados Unidos.

Laura Luis

Nutricionista Holística formada pela CSNN (Canadian School of Natural Nutrition) no Canadá / Certificação em Coaching Professional pela BeCoach e em Coaching de Intervenção Estratégica pelo Instituto de Anthony Robbins e Cloe Madanes nos Estados Unidos.

Cargos e Títulos

Tammy Peix

Master Trainer em Programação Neuro-Linguística (PNL) com especialização em Hipnose Ericksoniana e Mestre de Reiki.

Laura Luis

Nutricionista Holística e Personal Trainer especializada em movimentos naturais (MovNat) e Mestre de Reiki.

Motivação

09/07/2014 09:00 - Atualizado em 14/09/2016 03:57

O que podemos aprender com a derrota do Brasil?

Por Tammy Peix e Laura Luis, da PuraEco

POR

PuraEco

  • +A
  • -A

Aprender com nossas derrotas e usá-las para melhorar nosso "jogo" na vida é possível!

As coaches em Qualidade de Vida e Bem-estar Tammy Peix e Laura Luis explicam como a derrota do Brasil na copa pode nos ajudar a vencer.

Assim como todo o mundo, ficamos perplexas assistindo à chuva de gols da Alemanha no jogo da semifinal contra o Brasil, tentando entender o comportamento não só da seleção brasileira, mas também da torcida nas arquibancadas.

Um fato em especial nos chamou atenção: Durante toda a Copa, a torcida brasileira pareceu demonstrar apoio à seleção apenas em momentos de alegria e, por mais de uma vez, os jogadores pediram maior vibração dos torcedores nos estádios ao longo do mundial. Neste ponto, os irmãos argentinos (que estão na final do dia 13 de julho no Maracanã) sabem levantar sua equipe mesmo quando ela está perdendo o jogo. 

E que importância isso tem para o seu bem-estar?

O apoio das pessoas ao redor é um dos pontos importantes para o sucesso, ele pode ajudar muito! E isso vale para qualquer área da vida que seja (afetiva, profissional…). Por outro lado, precisamos nos distanciar daquelas pessoas que nos puxam para baixo, que, de alguma forma, nos fazem acreditar que não somos capazes de atingir o que desejamos. 

A reação da torcida de chorar em desespero e deixar o estádio antes do fim do jogo foi um reflexo do que aconteceu em campo. Este é outro ensinamento e, talvez, tenha sido o maior desta Copa: o de que a crença é imprescindível para o sucesso. Não podemos parar de acreditar e nos dar por vencidos antes do fim.

Em entrevista após o jogo, o zagueiro da seleção brasileira David Luiz disse: “Só queria ver o meu povo sorrir”. Mas o povo não acreditou e desistiu antes do fim. O silêncio da torcida foi sentido em campo e os jogadores baixaram a cabeça. A partir daí o resultado foi previsível. A vergonha por tomar 2 gols em menos de 25 minutos fez com que a seleção levasse outros 3 em menos de 5 minutos. Faltou preparo mental e emocional.

Teste sua Saúde Emocional e descubra se sua mente ajuda ou atrapalha seu bem-estar.

A fórmula do sucesso no jogo da vida

Se você quer ter sucesso, independente da área de atuação, precisa não somente dominar habilidades, mas também dominar a psicologia. Em qualquer situação, seja ela de negócios, em casa, com filhos ou em relação à saúde, a fórmula do sucesso é simples e sempre a mesma: 80% de psicologia e 20% de mecânica. Ou seja, 80% do sucesso está relacionado com a maneira como lidamos com nosso estado psicológico e nossas emoções e apenas 20% está relacionado às habilidades em si. 

Os alemães não ganharam por terem feito uma partida incrível, fantástica, de outro mundo. Ganharam porque sabiam claramente o que foram buscar naquele jogo e assim fizeram. Deram tudo que tinham e mantiveram a cabeça no lugar: Mente focada no objetivo e flexibilidade para ajustar a vela conforme o vento. E além disso, estavam seguros, tinham certeza de que ganhariam o jogo, sem duvidar disso por um segundo sequer. O time alemão dominou completamente seu estado psicológico.

O Brasil perdeu a certeza do hexa tão rápido quanto o tempo até levar o primeiro gol da Alemanha. Depois do segundo gol, os jogadores perderam a crença em si mesmos. Em entrevista coletiva, o técnico Felipão disse: “Às vezes, não dá para controlar o emocional, isso é comum”.

Quando queremos ser absolutamente excelentes e ter sucesso em algo, precisamos dominar nosso estado psicológico e nossas emoções. A seleção brasileira levou 5 minutos para se reestruturar emocionalmente, tempo suficiente para a seleção alemã aproveitar a situação e abrir vantagem. 

Essas consequências são as mesmas que podemos sofrer no dia a dia se não dominarmos a psicologia. Às vezes, damos espaço para o adversário. Em qualquer jogo na vida, aquele que tiver mais certeza e segurança, e que estiver mais presente e envolvido, ganhará. 

Avalie seus níveis de estresse e ansiedade e receba dicas para relaxar.

Nem tudo é cor de rosa, mas tudo pode tornar-se uma boa oportunidade

Às vezes, é a nossa vez de perder. É fácil ter sucesso, mas o real sucesso é saber lidar com o fracasso. Perder faz parte do jogo e o mais importante é perder com integridade, ou seja, aceitando os erros, aprendendo com eles e tomando para si a responsabilidade do resultado, indo até o fim. A seleção brasileira parou de jogar antes do término da partida. Este foi o verdadeiro fracasso pois o jogo não acaba até o apito final.

O que nos faz seguir e vencer é ter o constante sentimento de certeza e fé, de que podemos atingir o que quisermos. Portanto, da próxima vez que cometer um erro, assuma. Tenha sempre em mente: As pessoas se lembrarão de você não por suas habilidades, as pessoas se lembrarão de você pela maneira como você as fez sentir. A sinceridade, como a de David Luiz, conquista as pessoas. Portanto não tenha medo de errar, foque no seu objetivo e siga em frente com a cabeça erguida e a certeza de que irá chegar.

Nossa pergunta para você é: Como você está jogando? Existe alguma área da sua vida em que não esteja indo muito bem ou que você sinta estar “perdendo o jogo”? Honestamente, você está dando o seu máximo para conseguir aquilo que deseja? Quanta certeza, presença e compromisso você está dedicando a esta área da sua vida?

Aprenda com as suas respostas. Cresça com elas e continue em campo, pois o jogo ainda não acabou. 

E você, o que aprendeu com esta matéria? Deixe seu comentário e fique de olho na seção Eles explicam para mais artigos, entrevistas e dicas de nossos especialistas!

E não esqueça de curtir a página do Vivo Mais Saudável no Facebook para receber informação que faz bem todos os dias!

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ

Veja Também