Amor e Sexo

24/05/2015 05:26 - Atualizado em 06/12/2016 02:59

Sexo seguro: Tire suas dúvidas sobre iniciação sexual

O diálogo com os pais é muito importante para informar e preparar os jovens.

POR

Redação

  • +A
  • -A

As dúvidas sobre sexo seguro partem tanto dos adolescentes, com o início da vida sexual, quanto dos pais, que nem sempre sabem conversar e instruir os filhos sobre o assunto. A adolescência é uma etapa de crescimento e desenvolvimento, com mudanças físicas, biológicas, psicológicas e sociais.

Muitos jovens começam a vida sexual nessa fase, podendo não estar preparados física ou psicologicamente para isso. Por esse motivo, eles se tornam um grupo de risco para a gravidez não esperada e a contaminação por doenças sexualmente transmissíveis (DSTs).

Segundo o Ministério da Saúde, cerca de 1,1 milhão de adolescentes engravidam por ano no Brasil. O resultado é que 65% das brasileiras grávidas têm menos de 20 anos.

A orientação e a informação podem minimizar a falta de conhecimento e as inseguranças que surgem junto com as mudanças. Por isso, é importante ter espaços de diálogo entre adolescentes, pais, professores e profissionais da saúde, para um amadurecimento físico e emocional dos jovens, possibilitando assim o sexo seguro e saudável.

sexo seguro

Principais dúvidas dos adolescentes sobre sexo seguro

Qual a idade indicada para começar a ter relações sexuais?

Não existe uma idade certa, mas sim o melhor momento para cada pessoa. Cada um deve saber quando chegou a sua hora de iniciar a vida sexual - a partir das vontades próprias, não de influências ou pressões do parceiro.

Qual é o método mais seguro para não contrair DSTs?

Para garantir um sexo seguro contra doenças sexualmente transmissíveis, é preciso usar métodos de proteção. O mais comum é o preservativo masculino, que protege contra todas as DSTs, pois o conteúdo ejaculado na camisinha não entra em contato com a mucosa vaginal, nem com o colo do útero da mulher.

Qual é o método mais seguro para não engravidar?

Os métodos mais indicados para evitar a gravidez indesejada são o anticoncepcional oral (pílula) e a camisinha. Dessa forma, além de não engravidar, os adolescentes também ficam livres de DSTs.

É preciso procurar um médico antes de iniciar a vida sexual?

É indicado consultar um médico, sim, principalmente entre as garotas. O ginecologista vai ajudar na escolha do método contraceptivo a ser usado, e a consulta também serve para que a adolescente possa tirar suas dúvidas em relação ao início da atividade sexual.

sexo seguro

Como os pais devem lidar com o assunto

Qual é a idade certa para falar sobre sexo com os filhos?

A educação sexual já começa na infância, quando surgem dúvidas e questionamentos por parte das crianças. A dica é sempre responder da forma mais clara possível, de acordo com a idade, sempre lidando com o assunto de forma natural e sem medo. Quando a criança chegar à adolescência, falar sobre sexo seguro não será tão difícil assim.

Como acompanhar a vida dos adolescentes sem invadir a privacidade?

Muitos pais acabam interferindo na privacidade dos filhos na tentativa de conversar sobre sexo seguro, o que causa um distanciamento maior entre pais e filhos. Para evitar que isso aconteça, é preciso manter uma relação aberta e de companheirismo desde a infância, para que o filho sinta confiança e segurança em falar sobre tudo com os pais.

Tem mais alguma dúvida? Comente aqui! E não esqueça que você sempre encontra dicas de saúde no Vivo Mais Saudável.

TAGS
iniciação sexual
vida sexual
gravidez na adolescência
dst

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ