Amor e Sexo

21/01/2015 03:19 - Atualizado em 22/11/2016 03:07

Loucas para casar: Filme retrata ansiedade das mulheres

Mulheres loucas para casar podem acabar afugentando possíveis pretendentes.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Em apenas oito dias, o filme Loucas para Casar bateu a marca de 1 milhão de espectadores e trouxe à tona uma discussão já muito antiga na sociedade: o que incita, nas mulheres, o desejo do matrimônio? De que forma o casamento está marcado no imaginário feminino? Entenda as causas e as consequências desse desejo.

Loucas para casar

O que deixa as mulheres loucas para casar

Mesmo que muitos considerem machismo dizer que as mulheres são loucas para casar, essa afirmação não é infundada. Não significa que os homens não tenham o desejo de construir uma união estável, sólida e firmá-la diante da sociedade. Mas é do público feminino que vem o maior desejo de selar o matrimônio de forma tradicional.

Na verdade, esse é um desejo inconsciente que já faz parte da memória coletiva da sociedade. A mulher é estimulada, desde a infância, a encontrar um “príncipe encantado”, alguém que a amará incondicionalmente, lhe dará toda a atenção e cuidado, lutará por ela e se esforçará diariamente para protegê-la das intempéries da vida.

O modelo tradicional de família e futuro continua arraigado no imaginário das pessoas, mesmo que os tempos sejam outros, que a modernidade tenha permitido a realização profissional da mulher e que elas tenham mais independentes do que já haviam sido em toda a sua história. Ainda assim, o inconsciente diz que a mulher precisa de alguém que a complete.

E é isso que elas buscam ao casar. A imagem de perfeição construída pelos contos de fadas é só um agravante em toda essa situação. As mulheres são loucas para casar porque, na verdade, são loucas pela estabilidade. Homens são seres mais previsíveis e pacatos. Eles são o contraponto. Aquilo que daria equilíbrio à vida feminina.

Outra situação muito comum é ver que algumas mulheres, que são desencanadas e autossuficientes, começam a ficar loucas para casar a partir de uma certa idade. Essa atitude também é motivada pelos padrões impostos pela sociedade em que vivemos. Muitas vezes, no mundo atual, a juventude é sinônimo de beleza.

As mulheres acabam se desesperando por pensar que, quanto mais o tempo passa, menos atraentes elas serão para os homens. Elas foram moldadas para acreditar que, se não forem perfeitas, jamais terão alguém ao seu lado. O que não é verdade. Mas tente explicar isso a elas.

Loucas para Casar: O filme

Uma obra do diretor Roberto Santucci, um dos maiores nomes da comédia brasileira, Loucas para Casar conta a história de três mulheres que batalham pelo amor e pela fidelidade do mesmo homem. Ingrid Guimarães é a namorada de Márcio Garcia. Tatá Werneck e Suzana Pires são as amantes. Todas elas querem ser as únicas.

O sucesso de bilheteria em que o filme se tornou é uma prova de que ele reflete os anseios de uma parcela da população feminina. Todas elas – as personagens – querem ser as melhores e garantir o seu lugar na vida de outra pessoa. É essa busca pela exclusividade, pela companhia de alguém e pela estabilidade emocional que move a “caça aos maridos” feminina.

Gosta das nossas dicas de bem-estar? Então deixe um comentário! E não esqueça de curtir nossa página no Facebook para ficar ligado em todas as novidades do Vivo Mais Saudável.

TAGS
casamento
relacionamento
bem-estar

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ