Amor e Sexo

28/06/2014 09:00 - Atualizado em 06/10/2016 11:37

Dor na hora da relação não é normal. Investigue as causas

Dor na hora da relação atrapalha o prazer e pode gerar trauma.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Sentir dor na hora da relação não é normal. O importante é não ter vergonha do problema e não fingir que está tudo bem. Essa condição, chamada de dispareunia, pode ser tratada com a ajuda médica. Por isso, se você se identifica com as informações que reunimos abaixo sobre o assunto, você deve procurar um ginecologista.

Por que ocorre dor na hora da relação

Foto: Shutterstock

Foto: Shutterstock

Há diversas situações que podem acarretar a dor na hora da relação. Qualquer alteração hormonal que repercuta na acidez vaginal costuma gerar desconforto durante o sexo. O mesmo ocorre quando há infecções, micoses, miomas no útero, cistite e infecção na trompa.

Até a escolha de determinada posição sexual pode influenciar negativamente. Posições com penetração profunda nas quais o colo do útero é tocado tendem a provocar dor para algumas mulheres.

Além disso, qualquer inibição da mulher pode acarretar dores. Quando a mulher se retrai, ela tensiona os músculos da vagina, estreita a passagem do órgão masculino e, muitas vezes, acaba sentindo maior desconforto. Nesse caso, a consulta a um psicólogo pode ser necessária.

Como evitar a dor na relação

É imprescindível consultar um ginecologista para saber os motivos pelos quais se está sentindo dores na hora do sexo assim que elas aparecerem. Isso porque a associação da dor com o sexo pode ocasionar traumas profundos.

Portanto, se você sente dores antes, depois ou após o sexo, precisa entender o porquê. Para isso, esse profissional poderá lhe ajudar a verificar o que está acontecendo.

Porém há casos mais comuns em que a dor na hora da relação não tem a ver com doenças. Veja algumas medidas simples que podem ajudar nessa situação:

Lubrificantes

Como muitas mulheres têm dor na hora da relação e problemas para alcançar a lubrificação adequada, uma das opções é usar lubrificantes. O que geralmente ocorre é que na hora da penetração, o atrito do pênis com a vagina causa desconforto e por vezes dor. A dificuldade pode ter inúmeras causas, podendo ser atribuídas a biopsicossociais, quando desde cedo a mulher aprende que não pode demonstrar que gosta de sexo sob o risco de ser mal interpretada.

Por isso, o uso de lubrificantes acaba sendo recomendado para garantir o prazer. Com as variações hormonais, pode haver modificação quanto à lubrificação. Por isso, é importante, que o casal dialogue e descubra os tipos de lubrificantes mais indicados para o seu caso. Pode-se usar tanto a vaselina quanto os produtos feitos com solução aquosa.

Camisinha

Este item é de suma importância para combater a dor na hora da relação. Caso ela seja colocada de forma errada, por exemplo, poderá causar bastante desconforto na mulher. O que deve ser levado em consideração também é o material com que ela é feita. Algumas mulheres podem ter alergias a determinados materiais.

O lubrificante do preservativo ou mesmo as substâncias aromatizantes que dão o sabor ou perfume ao preservativo podem causar desconforto e consequentemente dor na hora da relação. Em casos de alergia ao látex, o casal pode optar pela camisinha feminina.

Pílula em xeque

Existem anticoncepcionais que atuam como vilões na hora da lubrificação, principalmente os que possuem baixa dosagem hormonal, com mais componentes de progesterona. No entanto cada mulher reage de forma distinta, dependendo mais das reações do organismo ao produto.

O mesmo pode ocorrer com mulheres com ovários policísticos, que produzem mais testosterona, e acabam usando pílulas que cortam esse hormônio. A consequência poderá se a perda da libido e dificuldades de lubrificação, provocando dor na hora da relação.

O bom é saber que o anticoncepcional pode ser substituído pelo DIU, por exemplo, que não interfere no eixo hormonal, e evita esse tipo de problemas relacionados à falta de lubrificação.

Gostou do texto ? Deixe seu comentário ou compartilhe sua experiência! 

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ