Amor e Sexo

20/01/2015 11:10 - Atualizado em 04/12/2016 08:48

Conheça tratamentos para reverter a baixa libido

Problemas com baixa libido podem ser motivados por fatores físicos e psicológicos.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Um problema comum na vida dos casais modernos é a falta de relações sexuais. Geralmente, isso acontece porque o homem ou a mulher apresenta baixa libido, ou seja, a ausência de desejo com o parceiro. Nem sempre isso está ligado a outras áreas do relacionamento, mas pode acabar por afetá-las. Descubra a seguir como identificar e tratar o problema.

baixa libido

As causas da baixa libido

A vida sexual é de extrema importância para a qualidade de vida e para saúde mental e física dos homens e das mulheres. Quando algo se desregula nessa área, motivado por disfunções como a baixa libido, é preciso dar uma profunda atenção aos fatos causadores da situação. Cuidar da vida sexual é prevenir problemas mais profundos em outras áreas.

Os problemas com a baixa libido geralmente acontecem com as mulheres. Na maior parte dos casos, essa diminuição é causada pela chegada da menopausa.

A redução natural na produção de hormônios sexuais, como a progesterona e o estrogênio, causa também uma queda significativa no desejo das mulheres. As mudanças corporais que acontecem, mexem profundamente com a mente feminina.

Outro fator que tem influencia direta nos casos de baixa libido é a questão psicológica que envolve o sexo para as mulheres. Problemas que estejam abalando o sistema nervoso e psíquico feminino podem afetar as reações corporais da mulher. Isso acontece porque a relação sexual vai além do contato físico para a mente feminina. Ele é um ato mental e emocional, acima de tudo.

Tratamentos para a baixa libido

Existe uma série de atividades que podem ser muito benéficas no tratamento da baixa libido. Algumas delas você talvez já pratique no seu dia a dia, já que são muito comuns e produtivas para outras áreas. Nesses casos, é importante que você reveja o foco que está dando para a atividade e de que forma é possível redirecionar a atenção para a questão sexual.

A meditação, por exemplo, é uma atividade que aumenta significativamente a libido. A Universidade de British Columbia analisou um grupo de 117 mulheres que realizavam meditação de foco.

Esse modelo de meditação dá atenção completa às sensações do corpo no momento presente. Após quatro sessões de 90 minutos cada, as mulheres perceberam aumento no desejo sexual e na lubrificação vaginal.

A acupuntura também é uma prática que pode trazer uma série de transformações para a libido feminina. Técnica oriental milenar, utilizada para tratar dores e problemas musculares em determinadas regiões, a terapia com agulhas ajudou a aumentar a libido em mulheres que tinham problemas com sexo após 12 semanas de tratamento. A pesquisa foi lançada no Jornal de Medicina Alternativa Complementar.

A ingestão de medicamentos antidepressivos também pode ser causadora da baixa libido. Nesses casos, existe uma outra pílula que pode ajudar muito a resolver o problema. O Viagra, pílula azul tão connhecida dos homens, pode ser um aliado das mulheres que sofreram queda no desejo sexual devido ao uso de medicamentos para depressão.

Que tal as dicas para recuperar seu desejo? Deixe um comentário! E não esqueça de curtir nossa página no Facebook para ficar ligado em todas as novidades do Vivo Mais Saudável.

TAGS
sexo
vida sexual
desejo sexual
relacionamento

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ